03 abril 2015

[ Resenha ] Assassin's Creed - Irmandade | Oliver Bowden


         Olá Pessoal, tudo bem?
         Espero que esteja tudo bem.
         Hoje eu trago a minha resenha sobre o livro Assassin's Creed - Irmandade do escritor Oliver Bowden  publicado pela Editora Record
        Venha e conheça minha opinião.


" Chegarei até o coração negro de um império corrupto para arrancar o mal pela raiz.
 Mas Roma não foi construída em apenas um dia e também não será reerguida por um Assassino solitário. 
Eu sou Ezio Auditore de Florença. 
Essa é a minha irmandade. " 
( Capa de Assassin's Creed - Irmandade )






     . Dados Sobre o Livro:

     - Título Original: Assassin's Creed - Brotherhood
     - Autor: Oliver Bowden
     - Editora: Record
     - Série: Assassin's Creed
     - 8ª Edição
     - Ano: 2012
     - 394 Páginas 
     - Tradução de: Edmo Suassuna

     - Onde Comprar: Amazon | Saraiva | Cultura

     . Sinopse:

      A outrora influente e próspera cidade de Roma está agora em decadência e diante da ruína. Há sofrimento e degradação por todo lado, e seus cidadãos vivem à sombra da impiedosa família Bórgia. 
      Ezio Auditore, com o passar dos anos, ganhou força e sabedoria e desenvolveu habilidades imprescindíveis para manter e honrar o Credo dos Assassinos. É ele o único homem capaz de libertar os habitantes da tirania que assola a região da Itália.
      Porém ainda mais ambicioso e implacável do que o velho inimigo Rodrigo Bórgia é seu filho Cesare, que não descansará enquanto não conquistar o país e não se importará em derramar o sangue de quem atrapalhar seus planos.
     Para lutar contra essa ameaça, Ezio precisará da ajuda de aliados realmente fiéis. Mas em uma época tão traiçoeira, qualquer palavra ou ato duvidoso é motivo para conspirações — até mesmo dentro da própria Irmandade. 



              " Um verdadeiro líder dá o poder ao povo que governa."                                                            ( Ezio Auditore - Pág.376 )



Conheça a Resenha do Livro Anterior:


                                         " Os Verdadeiros Inimigos Serão Revelados"

 
        Como virei fã da série, lê o livro e depois jogar ficou ainda mais fascinante. A facilidade que Oliver consegue transmitir dos jogos para os livros é fenomenal. 

       Ezio me Surpreendeu no primeiro livro e nesse não poderia ser diferente. Fiquei impressionada com a historia que continua ótima e só fez minha sede aumentar pela serie.
       Ezio Auditore continua destemido e corajoso homem que foi desde seus dezessete anos, porém agora mais maduro, mais sábio e perigoso. 


       O livro começa justamente da onde termina o primeiro... Com Ezio derrotando Rodrigo Bórgia e ouvindo uma mensagem de uma Deusa antiga, que lhe conta sobre o passado e o futuro da humanidade.
       Mesmo com a queda do líder dos templários Rodrigo Bórgia, Ezio tem que enfrentar novos inimigos, que mostraram ser ambiciosos, cruéis, sem escrúpulos nenhum e pode acreditar, eles conseguiram ser piores que Rodrigo.
       Para combater essa ameaça, Ezio decide reorganizar a Ordem dos Assassinos e com isso vai libertando a cidade do domínio dos Bórgia com ajuda de seus amigos e aliados.

       
      Quem ganhou um papel importante neste volume é a Claudia Auditore, irmã do Ezio. Ela tornou-se uma personagem fortíssima e bastante poderosa, assim como Leonardo, que destacou-se no primeiro livro e nesse ganhou um espaço importante, deixando a leitura bem rica em detalhes e repleta de adrenalina. Um detalhe que me encantou foi o fato de Ezio mostrar em vários momentos, que estava cansado e mesmo admitindo que não era mais tão jovem, proporcionou muita ação e luta do inicio ao fim.
      Minha opinião? Valeu muito a pena continuar a serie porque associar os livros com os jogos tornou um ponto principal e está sendo uma complementação da história. Por isso não esqueça... 

      " A sabedoria do nosso Credo é revelada por essas palavras: Trabalhamos nas Trevas para servir à Luz. Somos Assassinos."







          . Trailer do Jogo Assassin's Creed - Brotherhood:


                      

  
       . Sobre o Autor: 

       Anton Gill começou a escrever profissionalmente em 1984 e nesse tempo publicou 35 livros.
Gill nasceu em Ilford, Londres, filho de pai alemão e mãe inglesa, cresceu em Londres, foi educado na "Chigwell School" e no "Clare College", trabalhou no teatro, especialmente no "Royal Court Theatre" em Londres, no Conselho de Artes e na emissora de TV BBC antes de se tronar escritor. Ele escreveru uma variedade de artigos históricos, incluíndo três biografias. Seu trabalho inclui obras de ficção e não-ficção, mas seu escopo principal é a história européia contemporânea. Ele usa dois pseudônimos: Oliver Bowden e Ray Evans. Ele é casado com a atriz Marji Campi e divide seu tempo entre Londres e Paris.


       . Já leu Assassin's Creed - Irmandade?
       . Então me conta o que achou dele. Vou adorar ler sue comentário.


 renata massa