01 janeiro 2016

Melhores de 2015:



      Olá Pessoal!
       Passaram bem a virada do ano? Espero que sim.
       
       Para entrarmos com 2016 definitivamente, eu vou deixar as minhas melhores  leituras de 2015.
       


      Foi o total de  65  livros lidos durante o ano de 2015, novamente consegui superar a meta de 2014 que foi 43 livros lidos.
      Dos livros  lidos, 54 livros lidos em formato físico e 11 foram livros lidos em formato digital.  
      Participei de alguns Book  Tour e 08 livros já  foram livros e resenhados no blog e no Skoob.   
      Nesta postagem de Melhores do Ano, quero destacar um livro para cada mês e pretendo realizar está postagem  todo final de ano, para lembrar dos bons momentos.
      Venha e conheça as melhores leituras do Histórias Existem Para Serem contadas:

Janeiro:  

  . Livros lidos:  Bela Distração, Cinquenta Tons de Cinza, Cinquenta Tons Mais Escuros, Cinquenta Tons de Liberdade  e O Beijo da Meia Noite.



   Apesar do livro O Beijo da Meia – Noite entrar na lista de favoritos juntamente com o Bela Distração da Editora Verus,  ainda escolhi os Irmãos Maddox. Confesso que cheguei a ficar com um pouco de duvida se a Jamie conseguiria dar uma história tão boa para os Irmãos Maddox como conseguiu com a história do Travis Maddox, o caçula dessa família e a história de Trenton  foi tão eletrizantes que superou todas as minhas expectativas.

                                                                  Fevereiro:

  . Livros lidos: O Beijo Escarlate, O Despertar da Meia – Noite, A Ascensão da Meia – Noite, O Véu da Meia – Noite  e Cinzas da Meia – Noite.



 Foi difícil destacar um livro no mês de Fevereiro porque eu li a série Midnight Breed em Fevereiro. É uma das minhas séries favoritas por causa das surpreendentes reviravoltas que a trama traz em cada livro, por isso, todos estão na lista de favoritos. Mas irei destacar A Ascensão da Meia - Noite da Editora Universo dos Livros, porque a história de Rio mexeu verdadeiramente comigo, por causa do seu sofrimento e praticamente ficou impossível largá-lo. 

                                                  Março:

  . Livros lidos:  Sombras da Meia – Noite, A Noite Mais Sombria e  O Beijo Mais Sombrio.


 
 A Noite Mais Sombria da Editora Harlequin, faz parte da série Os Senhores do Mundo Subterrâneo. É outra série que simplesmente  chamou minha atenção por dois motivos: Primeiramente pelas capas ( adoro borboletas ) e o outro motivo, por ser romance com seres sobrenaturais ( minha paixão ). A história do Maddox é excelente e bastante envolvente. Isso mesmo vocês leram certo... Outro Maddox, mas fiquem tranquilas que não é da família do Travis.   
 

 Abril:

 . Livros lidos: O Prazer Mais Sombrio, O Sussurro Mais Sombrio, A Paixão Mais Sombria, A Mentira Mais Sombria e A Mais Pura Verdade.



    A Mentira Mais Sombria da Editora Harlequin, é o meu livro favorito da série Os Senhores do Mundo Subterrâneo. Todos os livros dessa série são incrivelmente maravilhosos, mas acontece que este livro tornou – se meu xodó da coleção. O livro traz várias surpresas bombásticas e o romance entre Gideon e Scarlet que é sensacional, porque Gideon é um dos Senhores que é possuído pelo demônio chamado Mentira enquanto Scarlet é possuída pelo demônio chamado Pesadelos.

 Maio:

  . Livros lidos: O Bairro da Cripta – As Elegias, Sniper Americano, Os Desejos da Bela Adormecida, A Punição da Bela, A Libertação da Bela, Doce Vampira e Lua Cheia.



    Realmente o Sniper Americano da Editora Intrínseca é um livro provocador, como está citado na sua capa. Traz uma narrativa totalmente fria, onde  Chris Kyle relata não só suas experiências no campo de batalha, mas também toda sua história, antes e depois de ser considerado o atirador de Elite mais eficaz da história das forças armadas dos Estados Unidos.

                                                                 Junho:

. Livros lidos: A Playlist de Hayden, O Bairro da Cripta – Os epitáfios, Para Sempre, O Projeto Rosie, Do seu Lado, Ciranda da Morte, Tunico Tucano na Amazônia e Alice in Badland.



Eu gostei tanto do livro que eu comecei a economizar na leitura por que não queria que terminasse logo. O Projeto Rosie da Editora Record, conta a história de Don Tillman... Que personagem fantástico! A capa é maravilhosa, a história é fabulosa, tem vários momentos hilários e também emocionantes.

                                                                       Julho:

. Livros lidos:  Diário de Uma Paixão, O Penhasco, Rio: Zona de Guerra, Dionísio,  A Casa do Céu e Alma Vampira.




A Casa do Céu da Editora  Novo Conceito, tornou-se o livro mais revelador do ano entre as minhas leituras de 2015. Eu nunca tinha lido uma leitura tão angustiante como essa, ao ponto de desejar que chegasse a última página. Não pense que o livro é ruim, pelo contrário, ele é um livro fantástico e ao mesmo tempo perturbador. Durante a leitura, a sensação é que eu estava vivendo com ela, todas as crueldades, confinada em lugares sombrios com maus-tratos, abusos sexuais e torturas.

Agosto:

. Livros lidos: Notas de Luxúria, Perdida, Esposa 22 e O Presente.



   Quando o livro Notas de Luxúria  da Editora MODO, chegou em minhas mãos, através do Selo Ella, eu não imaginava que iria gostar tanto da história. Até o momento não tinha lido um livro nacional tão ardente e que me surpreendeu em todos os capítulos.
    O livro é bastante caprichado e muito bem escrito. Sua gramática está perfeita, as páginas são decoradas com notas musicais e para ser bem sincera, é um livro nacional que ganha tranquilamente de muitos livros estrangeiros que estão no mercado. Para quem gosta de livros totalmente picantes com uma trama fantástica, eu recomendo que leia Notas de luxúria.

Setembro:

. Livros lidos: Contos da Lua,  O Guardião da Última Fada, A Escrava Isaura, Caídos, Chamas da Noite e  Distopia.


 















      Em Setembro eu participei da Maratona Setembro Nacional e li apenas livros nacionais. Minha vontade era destacar todas as leituras deste mês, mas vou destacar dois autores que tive o maior prazer de conhecer em 2015, Kate Willians e M.R.Terci.
       Eu conheci o livro Distopia da Editora Arwen através das redes sociais, mas foi pelo Book Tour organizado pela própria autora, que tive a oportunidade de ler a história. Já o livro Caídos – Abandonai Toda Esperança da Editora Multifoco, trouxe um vocabulário aprimorado e enriquecedor.
     Eu só tenho elogios para os dois livros, porque eu tinha uma expectativa muito grande pela trama e encontrei  histórias sensacionais, uma escrita bastante elaborada e personagens bem construídos. Confesso que terminei os dois desejando mais algumas páginas para saciar minha vontade.

Outubro:

. Livros lidos: Perspicácia, A Tumba e Outras Histórias, Apaixonada Por Um Idiota,  Os Meninos da Biblioteca e O Exorcista.



     Este ano eu dividi meu maior medo cinematográfico e ao mesmo tempo, meu livro favorito da minha estante do terror. O Exorcista da Editora Agir é o único livro, até o momento, que conseguiu amedrontar meu subconsciente no ponto certo. Durante a leitura, ficou impossível não pensar no filme, pois as cenas que contém no filme estão bem fieis ao livro. Eu lembrava claramente dos cômodos da casa, do quarto de Regan, da mãe do padre Karras e principalmente a clássica cena da cabeça girando durante as narrações do exorcismo da Regan. A narrativa do livro é pesada, porém muito bem escrita. Cada página lida eu ficava angustiada com o sofrimento de Regan e apavorada com os acontecimentos.

Novembro:

. Livros lidos: Cores de Outono, Sem Te Conhecer, Outros Eram Apenas Ossos, O Último Homem do Mundo, Vinte Mil Pedras no Caminho, Big Buka Para Charles Bukowski e Stalking. 



     Este livro contém uma história pesada e que provavelmente será ignorada por muitos, por abordar um assunto forte com relatos reais. O livro Vinte Mil Pedras no Caminho da Geração Editorial traz a biografia de Fabian, um ex – usuário de drogas, teólogo e especialista em reabilitação de dependentes químicos. A história de Fabian é extremamente detalhada, seu conteúdo é imensamente chocante, que escancara a realidade daquelas pessoas que foram consumidas pelas drogas e esqueceram que um dia tiveram dignidade, um lar, família e principalmente, esqueceram que são seres humanos.

 Dezembro:

 . Livros lidos: O Invencível, Fascínio Egípcio, Peça – me o Que Quiser e  A Outra História da Lava – Jato. 



    O Invencível da Editora Charme  é um livro espetacular! A edição está caprichada, capa esplêndida e diagramação maravilhosa. A história consegue envolver nas primeiras páginas e durante a leitura, que por sinal, é detalhada e vai revelando o passado de Liv e principalmente de Vince, a trama se torna viciante, ficou impossível largar o livro e deu uma ressaca literária enorme. Os dois livros da MMA Fighter estão entre meus livros favoritos da minha coleção.  


    Agora sim... O Blog Histórias Existem Para Serem Contadas entrou  em 2016!
    Espero que o ano traga várias histórias repletas de reviravoltas, emoções e finais maravilhosos.