29 de fevereiro de 2016

[ Lidos do Mês ] Fevereiro - 2016:



     Oi Pessoal!
     Tudo bem?
     Espero que esteja tudo ótimo.
     Hoje eu  vou falar sobre as minhas leituras do mês de Fevereiro, para concluir o mês  como sempre faço.
    Todas as leituras foram bem proveitosas e novamente consegui ler bastante.
    Venha conferir:





     . Tinha Uns Olhos da Cor da Tempestade:
       ( M. R. Terci )

     Comecei o mês de Fevereiro  retornando ao Bairro da Cripta. Fui conhecer o Senhor Dezidério, um velho caipira de sessenta e poucos anos que possui um coração generoso, que mora na Fazenda Luminosa, localizada na Zona Rural da cidade de Tebraria. O conto tem uma história está bem construída, uma leitura que desenvolve de modo rápido e continua com um vocabulário bem aprimorado como os livros anteriores.



     . Híbrida:
     ( Mari Scotti )

    Depois fui apreciar uma história de vampiros que traz um mistério que desperta uma grande curiosidade na busca de respostas que os personagens principais procuram. O Milosh me conquistou nas primeiras páginas por causa da sua preocupação pela rainha, mas a Ellene só conquistou minha admiração no decorrer do livro. O desfecho foi bem caprichado e deixou com muita vontade de começar o próximo livro da série.





   . Super Desapegada:
    ( Jaqueline de Marco)

    Passei horas agradáveis na companhia deste livro. A leitura desenvolve rapidamente e posso dizer que há muito tempo não devorava um livro tão tranquilo e ao mesmo tempo engraçado. O enredo é descontraído, os personagens são divertidos, não são chatos, nem cansativos. Foi uma verdadeira comédia romântica com uma trama leve, divertida e bastante prazerosa.



    
    . Demônio da Perversidade:
      ( Edgar Alan Poe )

    Li o segundo conto do projeto Desafio #12mesesdepoe
   A forma como Poe escreve este conto é ótimo, mas para ser sincera, tive um pouco de dificuldade no inicio, porém depois a leitura desenvolveu tranquilamente.





      . Casamento Por Aparência:
         ( Dill Ferreira )

      E para encerrar... A última leitura do mês proporcionou uma leitura agradável que conseguiu cativar bastante. O enredo é leve e a história é contada pelo ponto de vista da Amanda de forma que consegue transmitir os sentimentos dela com clareza.
      O livro consegue cumprir tudo que propõe e ainda deixou muita curiosidade pela sua continuação, que estarei lendo em breve.



   

      Agora sim, o mês de Fevereiro foi concluído aqui no blog.
      Eu espero que tenham gostado do pequeno resumo das leituras que passaram durante o mês e assim, posso dedicar às leituras de Março! 

      Já leu algum desses livros?
      Então me conte o que achou deles.
     Vou adorar ler seu comentário. 



28 de fevereiro de 2016

[ Caixa de Correio] Fevereiro - 2016


       Olá Pessoal!
       Tudo bem?
       Hoje eu trago a caixinha de correio do mês de Fevereiro e novamente  todos os livros que chegaram foram nacionais. 
       Venha conferir:


26 de fevereiro de 2016

[ Resenha ] Casamento Por Aparências | Dill Ferrreira



    Olá Pessoal!
    Tudo bem?
    Espero que esteja tudo bem.
    Hoje eu trago a resenha do livro Casamento Por Aparência da autora Dill Ferreira publicado  na Amazon.
    Venha e conheça minha opinião.



 “ Está vendo sou seu anjo da guarda quer você queira ou não.” 
  ( Antônio )


25 de fevereiro de 2016

[ Resenha ] Desafio de Leitura #12mesesdepoe - O Demônio da Perversidade



     Olá Pessoal!
     Tudo bem?
     Hoje eu estou trazendo a segunda resenha do projeto de Leitura Coletiva das Obras de Edgar Allan Poe, organizado pelo Blog da Anna Costa.
     Venha e conheça minha opinião.



    Desafio de Fevereiro:

    O Demônio da Perversidade


      O Demônio da Perversidade é o segundo conto que leio para o projeto leitura coletiva das obras de Edgar Allan Poe, onde todos participantes irão ler um conto por mês durante o ano e este conto foi publicado pela primeira vez no Graham's Lady's and Gentleman's Magazine.
      Neste conto, o  narrador começa com uma critica sobre a perversidade humana, identificando o certo e o errado. Estabelecendo a sua capacidade mental para evitar a responsabilidade moral por suas ações.
      Também tenta mostrar para o leitor como o narrador chegou a se tornar uma vítima  dos impulsos autodestrutivos, por expor ao ponto de ser julgado como louco.
      A forma como Poe escreve este conto é ótimo, mas para ser sincera, tive um pouco de dificuldade no inicio, porém depois a leitura desenvolveu tranquilamente.
     O demônio da perversidade foi publicado pela primeira vez em Julho de 1845 e após todos esses anos, é difícil não se identificar com as palavras do narrador.
     Enfim... Desafio #12mesesdepoe do mês de Fevereiro concluído maravilhosamente. Leiam as obras de Edgar Alan Poe, vale muito a pena e surpreenda-se com uma narrativa extremamente maravilhosa!

 " Não há homem que, em algum momento,  não tenha sido atormentado, por  exemplo,  por um agudo  desejo torturar  um ouvinte  por meio de circunlóquios. Sabe que desagrada. Tem toda a intenção de desagradar. Em geral é conciso, preciso e claro." 

   
        . Outros Contos:

        - Janeiro: Metzengerstein

       . Já leu o conto O Demônio da Perversidade?
       . Então me conta o que achou dele. Vou adorar ler seu comentário.


 


     

24 de fevereiro de 2016

[ Resenha ] Super Desapegada | Jaqueline de Marco



      Olá Pessoal!
      Tudo bem?
      Espero que sim.
      Hoje venho deixar do livro Super Desapegada da autora Jaqueline de Marco publicado em formato digital da Editora Draco.
      Venha e conheça minha opinião:



 “ O amigo sempre cuidara de tudo para que ela se sentisse bem. E isso, no fundo, sempre atiçava a chama dos seus sentimentos por ele.” 

23 de fevereiro de 2016

[ Divulgação ] Editora Lendari Abre Seleção para Antologia de Ficção Científica



      Olá Pessoal! 
      Tudo bem? 
      Espero que esteja tudo bem.
      Hoje eu trago a divulgação da Seleção  para Antologia de Ficção Científica.
      Venha conferir:



       Após lançar com sucesso, em dezembro de 2015, a antologia Quando a Selva Sussurra: Contos Amazônicos, a Editora Lendari agora prepara seu mais novo título. A obra O Último Gargalo de Gaia: Distopias, Steampunk e Dias Finais pretende seguir a linha de filmes como Interestellar (2014), de Christopher Nolan, Melancholia (2011), de Lars von Trier, e o clássico Contato (1997), filme de Robert Zemeckis baseado no livro homônimo de Carl Sagan.
      A proposta, de acordo com o escritor Mário Bentes, responsável pela análise e seleção dos originais que virão a compor o livro, é usar a ficção científica apenas como pano de fundo para narrativas dramáticas ou de cunho filosófico e existencial. A idéia é que a obra reúna contos que tratem de extinção em massa no planeta ao mesmo tempo em que questionem o papel do ser humano sobre o mistério da vida no Universo.
      Bentes afirma, ainda, que o novo título da editora – que será lançado inicialmente apenas na versão digital (e-book) – evoca um dos sentidos metafóricos possíveis na canção ‘Starman’, de David Bowie (1947-2016), lançada em 1972 no single ‘The Rise and Fall of Ziggy Stardust and the Spiders From Mars’. A música chegou a ter uma versão nacional escrita e gravada pela banda Nenhum de Nós, com o título ‘O astronauta de mármore’, de 1989.
     “Um marciano que deseja mudar a humanidade através da música, do amor e de mensagens de paz. Mas até que ponto nós, os humanos, estamos prontos para isso? A própria canção original diz, em certa altura, que o marciano adoraria vir nos encontrar, mas acredita que o encontro poderia ‘confundir’ nossas idéias. Talvez não estejamos prontos nem para zelar pelo próprio planeta que nos abriga, imagine lidar com a vastidão do Universo”, avalia Bentes.



. Dados do livro
Título: O último Gargalo de Gaia: distopias, steampunk e dias finais
Organizador: Mário Bentes
Capa: Marina Ávila
Editora: Lendari
Ano: 2016
ISBN (e-book): 978-85-69243-07-6
. Sinopse:
Se há tantos planetas com condições similares às da Terra em todo o Universo, possibilitando, portanto, o surgimento da vida – inclusive da vida inteligente –, onde estão os outros? Tal questão foi seriamente levantada por volta de 1950 pelo físico Enrico Fermi, enquanto discutia com outros cientistas sobre o aparente paradoxo, que veio a ser conhecido como Paradoxo de Fermi. Mais tarde, nos anos 60, o astrônomo Frank Drake propôs uma complexa equação matemática – chamada, posteriormente, de Equação de Drake – que objetivava encontrar um modo de avaliar as possibilidades relacionadas com a existência ou não da vida alienígena.
Anos mais tarde, sem que a comunidade científica internacional chegasse a uma conclusão, alguns pesquisadores especularam possíveis soluções ao paradoxo. Um deles, Robin Hanson, propôs que, na verdade, havia algum tipo de obstáculo que impedia, em algum momento, que a vida se desenvolvesse além de um certo estágio – proposição atualmente rotulada de Hipótese do Grande Filtro. Mas qual seria este estágio – ou estágios? Eles realmente existem? Se existem, são naturais? Se são naturais, a Terra precisou superá-los para estarmos aqui?
É aí que surge uma outra via: a Hipótese do Gargalo de Gaia. Os pesquisadores desta linha de pensamento acreditam que, na verdade, a própria vida, em seu início, seja tão frágil que as próprias condições instáveis de seus planetas sejam as responsáveis por sua extinção. Há indícios de que Marte e Vênus, por exemplo, tenham sido palcos ideais para a formação da vida, mas hoje não passam de cenários desolados, estéreis e mortos. Mas ninguém garante, afinal, que o último gargalo precise vir, necessariamente, nos primeiros estágios da vida. Ele pode aparecer sem aviso, quando a vida está em plenamente desenvolvida, com seres inteligentes e certos de sua imortalidade enquanto espécie.
Mas, ao contrário do que pode parecer, a existência de vida alienígena não é o tema principal de O último Gargalo de Gaia: distopias, steampunk e dias finais. Esta obra, na realidade, trata das mil e uma possibilidades de extinção em massa da vida na Terra – seja por motivações naturais, aparentemente naturais ou deliberadamente artificiais. Com diferentes visões, que incluem a apresentação de passados alternativos e suas tecnologias impossíveis, distopias apocalípticas e até mesmo dramas que abordam questões filosóficas, os autores desta antologia de ficção científica trazem para o leitor os diferentes nomes e características dos gargalos que, finalmente, calarão nosso sopro existencial.
Até que, outra vez, em outra parte distante do Cosmos, a vida volte a florescer.

 


          Inscrições até 31 de maio
          A editora abriu inscrições no dia 15 de fevereiro, por meio de seu site (http://www.lendari.com.br/o-ultimo-gargalo-de-gaia/), e seguirá recebendo originais até 31 de maio. Podem participar autores brasileiros, natos ou naturalizados, maiores de 18 anos. Cada autor interessado poderá submeter até três contos, todos com tamanho mínimo de cinco e máximo de dez páginas. “O material submetido precisa ser inédito e estar de acordo com a proposta da antologia. Temas com temática sobrenatural, terror e similares, por exemplo, não serão aceitas”, diz Bentes.
       Os autores também vão precisar pagar uma taxa de R$ 20 para cada original enviado, valores que, de acordo com a editora, vão arcar com os custos de leitura crítica e posterior edição e revisão do material eventualmente aprovado. “Acredito que o tema vá despertar interesse de muitos autores, principalmente pelos segmentos e estilos narrativos que a obra vai abraçar”, explica o organizador, referindo-se às distopias e ao conhecido gênero steampunk.

      Futuros e Passados Alternativos 

        Atual “queridinha” da literatura fantástica, o gênero de distopia trata de futuros alternativos sombrios, envolvendo cataclismos sociais, ambientais e geralmente com sociedades mergulhadas no caos ou totalitarismo. “Como uma das temáticas principais da obra é justamente eventos relacionados quaisquer etapas de extinção da vida no planeta Terra, as distopias são quase que fundamentais para o livro”, diz o organizador.
      Já o steampunk é o que Mário Bentes chama de “coadjuvante de luxo”. “Para sair das narrativas tradicionais, ampliamos a proposta da antologia para conter contos sobre passados alternativos, em que conhecimentos científicos ou tecnologias tradicionais são removidas de seus contextos históricos conhecidos e transpassadas para realidades paralelas, em uma espécie de futuro-do-pretérito hightech”, explica o escritor.
     O resultado da fase de seleção, com a lista oficial de autores aprovados, será anunciado no dia 15 de junho de 2016, no próprio site da editora Lendari. A previsão de lançamento do e-book, segundo Mário Bentes, é outubro de 2016. “Acredito que será uma obra diferenciada, que pode emocionar, impressionar e apresentar ao leitor importantes questões sobre a vida na Terra. Não sabemos como ela vai acabar, mas sabemos que vai”, reflete Bentes.


     Achou interessante?
     Então visite o site  da Editora Lendari ( http://www.lendari.com.br/ ) para mais informações.



22 de fevereiro de 2016

[ Divulgação ] Os Dois Primeiros Volumes da Série O Bairro da Cripta em E- Book na Amazon



       Olá pessoal!
       Tudo bem? Espero que sim.


          Hoje  trago uma ótima notícia para os fã da literatura nacional e do gênero Terror e suspense.
          Venha conferir:



     O autor  M. R.Terci da série O Bairro da Cripta, irá disponibilizar os dois primeiros  livros da série O Bairro da Cripta -  Tomo I ( As Elegias ) e  Tomo II (  Os Epitáfios ) em formato e-book, na Amazon.
     E o melhor de tudo isso, de forma acessível e com um ótimo preço. 


      Conheça a sinopse dos livros:



Elegias é o primeiro tomo da pentalogia do Bairro da Cripta. Composta por 24 contos que colocam os clássicos do terror universal sob a luz dos lampiões de querosene dos sertões paulistas do século XIX.
Strigois que se alimentam de vitalidade humana, licantropos boêmios às vésperas das núpcias do diabo, aparições atormentadas a procura de algum alento, nereidas sanguinárias que espreitam rios e lagos, sombras famintas que se alimentam de sangue, alienígenas curiosos e seus assombrosos experimentos, divindades cruéis, demônios narcisistas e psicopatas medonhos que mantém estreito entendimento com aquele bairro sinistro que ladeia a assombrada Comarca de Tebraria.
Através das sendas que conduzem às Montanhas da Tristeza de Deus e as margens do rio pantanoso que deságua na Baia das Sepulturas; entre as trilhas desairosas do Jardim dos Suicidas e a grande Necrópole que ladeia a Estrada do Chão Duro está o mal afamado Bairro da Cripta.




Epitáfios é o segundo tomo da série O Bairro da Cripta, publicada pela LP-Books. Uma ode ao ossuário composta por 15 contos que relocam os hórridos horrores da Era Vitoriana para as cercanias da provinciana Tebraria, no interior do Estado de São Paulo.
Por lá, o centenário cemitério se confunde, sobremodo, com as decrépitas e mal iluminadas ruas do Bairro da Cripta, onde toda gente sabe, a morte edificou seu Majestoso Trono de levianas mortandades. Nessas paragens, a cabeça do rei da peste acoita-se do frio noturno sob a Coroa de Vermes; o escriba do diabo exige do passante incauto a vermelha rubrica no Livro do Fim dos Dias; um atemporal mal deambula, sob a sombra de modernas edificações, ao escrutínio de um antigo Diário; a voz conspurcadora, imersa na mais profunda treva de uma mansão, inunda o coração humano de dizeres de morte; espíritos frios e cruéis, de indevassáveis vontades, exigem habitar corpos outros de estouvados cidadãos; corredores que se aprofundam para o seio da terra, terrores indescritíveis e tesouros incalculáveis descansam nas catacumbas sob o velho sepulcrário.
Vinde, com passos de morto trilhar, através das mais aflitivas emoções do espírito humano - OH, heróis! - descei às limosas escadas, percorrei os estreitos e apavorantes caminhos do mal afamado Bairro da Cripta.
 

       Então preparem- se porque o terá mais O Bairro da Cripta na Amazon!  

 

19 de fevereiro de 2016

[ Divulgação ] Lançamentos da Editora Bezz



      Olá Pessoal!
      Tudo bem?
      Espero que esteja tudo bem.
      Hoje eu trago os lançamentos da Editora Bezz.
      Venha conferir:



 Lançamentos  Impresso:

  


Meu vício
Autora: Kell Teixeira
Lançamento: Fevereiro
Sinopse:
Elena Tyner é uma garota comum de dezenove anos que cursa psicologia. Devido a uma criação tradicional, assim como a sociedade em sua maioria, ela possui preceitos e preconceitos contra usuários de drogas, passando até ter repúdio pelos mesmos. Mas tudo muda quando ela faz uma entrevista com um usuário, se envolve e passa a ver o outro lado da história.
Nesse drama é relatado de forma clara e espontânea a amarga experiência que é conviver, amar, e presenciar uma pessoa entregar sua vida para as drogas... Um caminho obscuro e muitas vezes sem volta...
Falar sobre dependência química é muito forte, muito atual e de suma importância. Mostrar todo sofrimento do dependente e de todos ao redor de forma tão realista e interessante, faz com que a gente vivencie o sofrimento junto com Maycon e Elena. E sinta o amor surgindo no meio das trevas, da dúvida. Um amor puro e sincero, porém não aceito.



Meu clichê
Autora: Ana Vitola
Lançamento: Fevereiro
Sinopse:
Su é uma promotora de eventos que leva uma vida calma e tranquila com o Gato e seus instrumentos musicais. Segundo sua amiga Elis, falta apenas 39 Gatos para ela virar uma solteirona cercada de bolas de pelos. Ela, porém, não dá bola para o jeito que leva sua vida. É feliz assim na sua rotina de: trabalho - casa - voluntariado no orfanato local. No final de um de seus eventos, é avisada por uma funcionária que um dos convidados esqueceu o celular. Então ela vê sua vida virar de cabeça para baixo de um jeito que ela nunca poderia imaginar. Noah é um ex-modelo em fim de carreira, quer ser mais que um rostinho bonito. Ao perder seu celular em uma festa, não imagina que sua vida nunca mais será a mesma.


Rosto bonito
Autora:  Sable Hunter
Lançamento: Fevereiro
Sinopse:
A vida de Cody é definida por duas grandes verdades: Ela está apaixonada... e ela cometeu um grande pecado.
Cody foi brincar com o fogo e ela está prestes a se queimar. Faminta por atenção, ela permitiu que um homem maravilhoso se apaixonasse por ela. Seu único contato tem sido as conversas via internet e telefone. Cody quer mudar sua vida, dizendo meias verdades e enviando fotos de uma mulher com um belo corpo e um rosto bonito, mas essa mulher não é ela.
Marcada no rosto por um abuso, ela se esconde dos olhares indiscretos.
Cody ama Hunter o suficiente para deixá-lo ir. Ela está disposta a desaparecer da sua vida. Hunter quer encontrá-la, mas ela se recusa. Mas se Cody não for até ele, Hunter irá até Cody.
Então, em plena Mardi Gras, um momento de amor e risos, máscaras são usadas e Cody usa-a para esconder mais do que um rosto bonito.


Por você eu faço tudo
Autora: Elizabeth Bezerra
Lançamento: Fevereiro
Sinopse:
Uma proposta irrecusável... Um desejo de vingança... E uma reviravolta surpreendente!
Richard Delaney é um rico, bonito e metódico engenheiro. Sua família é uma das mais tradicionais de Nova York. A vida parecia perfeita, até voltar de viagem e encontrar a noiva com outro homem. Agora ele está furioso e decide dar voz ao bad boy que existe nele. Vingança é tudo o que ele quer. Começaria apresentando como noiva, a linda e impertinente dançarina de pole dance, Paige Fisher.
Paige não acredita no amor. Um dia, após chegar do trabalho, descobriu que seu namorado havia vendido todas as suas coisas, roubado o dinheiro do aluguel e fugido com sua melhor amiga. Para ela o amor era para tolos.
Quando Richard faz a surpreendente proposta para que finja ser sua noiva, vê a oportunidade para mudar sua vida, radicalmente. Sua única exigência era: nada de sexo.
Mas o que eles não previram é que essa história tomaria um rumo muito diferente...
A atração entre eles é explosiva e amor acontece quando menos se espera.
Mudando suas vidas para sempre.

Lançamentos de E-Book:






Nos braços do roqueiro
 Autora: Terri Anne
 Lançamento: Março

 Sinopse:
 Sair em turnê com quatro roqueiros parece um sonho...
 Pelo menos é o que as pessoas me dizem. Para mim, esses quatro roqueiros são a minha família. Cuidam de mim desde meus cinco anos de idade, protegendo-me da minha mãe e de seus episódios de fúria quando
 estava bêbada e drogada. Mesmo depois de famosos, continuaram cuidando de mim. E quando meu monstro de mãe morreu, eles se tornaram meus guardiões.
 Há seis anos eu cuido dos quatro homens que são tudo para mim. Tomo conta deles da mesma maneira que sempre cuidaram de mim. Resolvo tudo, até as sujeiras dos bastidores da vida de um roqueiro. Nem sempre é bonito. Às vezes, chega a ser quase repugnante, principalmente quando tenho que me livrar das transas aleatórias. Ugh! Realmente não me incomoda tomar conta deles. Quero dizer, não é como se estive apaixonada por um deles. Isso seria loucura. Se apaixonar por um roqueiro NÃO é inteligente. Tudo bem, então não sou inteligente. Eu amo os meus garotos, e um deles, meio que tem meu coração em sua, grande e calejada, mão roqueira. Mas estou lidando bem com a situação. Por anos, fui capaz de manter o meu pequeno segredo. Mas, não agora. No entanto, preciso enfrentar o que quer que esteja acontecendo comigo. Isso me assusta pra caramba. Eu odeio médicos, mas de repente, estou mais preocupada em descobrir o que tem de errado comigo, do que o que algum médico poderia me fazer. Depois de receber o resultado dos meus exames, minha vida nunca mais
 será a mesma novamente...




Anjo de pedra
 Autora: Patricia Dias
  Lançamento: Março

 Sinopse
Tudo na vida começa por: Era uma vez… A minha história poderia começar assim! Era uma vez uma menina que sonhava ser médica…que sonhava casar…que sonhava ter um príncipe e um castelo com torres, com uma fada madrinha a espalhar o pó mágico da Felicidade. Era uma vez uma menina que foi médica… Casou… Morou num apartamento de classe média… Não teve filhos… Era uma vez… Rezei todas as noites ao meu anjo da guarda… Esta é a história que ninguém quer ouvir…a história de uma princesa e de um anjo! Um anjo que me arrancou tudo…que me deu água quando tinha sede e me fechou numa torre sem ar. Esta é a história de um Anjo de Pedra que um dia me escolheu… Não sou escrava! Não me traficaram! Apenas fui escolhida!


 




Redenção
Autora:  Jaimie Roberts
Lançamento: Abril

Sinopse:
Como alguém pode ser capaz de superar uma traição tão devastadora, uma que chega a dilacerar os ossos e se enraizar bem lá no fundo? Não há como perdoar uma mágoa assim... Ou há? Desde que Tyler tinha seis anos de idade, ela se apaixonou pelo menino atrevido de oito anos, de cabelo negro espetado, olhos azuis cativantes e uniforme amarrotado. Desde o momento em que ele bateu em um colega por tê-la machucado, Tyler soube que não tinha volta. Eles estavam destinados a ficar juntos... Sempre.E então tudo mudou. O palco foi montado como uma tragédia Shakesperiana, e o mundo que Tyler e Dean conheciam se extinguiu. Mas seria mesmo?
TYLER
Agora meu nome era Jessica. Forjei minha própria morte, mudei minha identidade e percorri milhares de quilômetros só para escapar do único homem que não consegui expulsar do meu coração. Tinha um filho de quatro anos, que adorava mais do que tudo no mundo. Em uma noite horrível, a vida que construí desapareceu num piscar de olhos. Deixei pessoas para trás. Pessoas com quem me importava. Pessoas que jamais esqueceria. 






Além do amor
 Autora:  Elizabeth Bezerra
Lançamento: Fevereiro
 Sinopse:

Penelope e Adam se apaixonaram à primeira vista. Viveram uma paixão explosiva e intensa. Mas nem mesmo a força desse amor foi capaz de impedir que mentiras e segredos do passado os atingissem.
Enquanto um fantasma do passado faz de tudo para separá-los, armando uma rede de traições para destruir tudo o que eles têm, Adam lutará até as últimas consequências para recuperar Penelope, mesmo sabendo que suas atitudes podem aniquilar suas chances de tê-la de volta.
Penelope receia entregar seu coração outra vez e se ferir, ainda mais quando algo muito importante está em jogo. Porém, não será fácil resistir a essa paixão que a faz se perder completamente no furacão de emoções que Adam desperta nela. Uma viagem a trabalho reabrirá novas feridas e será impossível lutar contra o que sentem. Viver esse amor trará como consequência uma notícia que mudará suas vidas para sempre... 

  
         Espero que gostem  dos lançamentos da Editora Bezz.


 


17 de fevereiro de 2016

[ Parceria ] Editora Angel



     Olá pessoal!
     Tudo bem? 
      O Blog Histórias Existem Para Serem Contadas tem a imensa alegria de informar que tornou - se parceira da Editora Angel.


   

16 de fevereiro de 2016

[ Dica de Leitura ] Série Aparência - Dill Ferreira



    Olá Pessoal!
    Tudo bem?
    Espero que esteja tudo bem.
    Hoje eu  apresento para vocês os  dois livros da trilogia Casamento por Conveniência  da autora Dill Ferreira.
    Venha conhecer:


14 de fevereiro de 2016

[ Parceria ] Editora Bezz

        Olá Pessoal!
        Tudo bem?

        O  Blog Histórias Existem Para Serem Contadas tem a imensa alegria de informar que tornou - se parceira da Editora Bezz.




12 de fevereiro de 2016

[ Primeiras Impressões ] Deixe-me Entrar | Letícia Godoy

     Olá Pessoal!
     Tudo bem?
     Espero que esteja tudo bem.
     Hoje  eu vou deixar minhas primeiras impressões sobre o livro Deixe-me Entrar da autora  Letícia Godoy, que terá o lançamento dia 13 de Fevereiro pela Editora Arwen.
     Venha conhecer minha opinião:



. Sinopse: Julianne Ipswich cresceu confinada no internato Le Rosey, afastada de sua família com o pretexto de receber uma educação de qualidade. Este fato sempre a incomodou e o maior desejo de Julianne era descobrir a verdade para que a família tenha a afastado, uma vez que não ficou convencida de que a preocupação com os seus estudos seria o único motivo.
Ao completar 15 anos, ela retorna para Stone Forest, a cidade de seus pais, e, aos poucos, acaba descobrindo mais do que gostaria de saber.
Cercada por muito mais perigos e desafios do que ela jamais pôde imaginar que surgiriam em sua vida, Julianne precisará desvendar os mistérios de seu passado e preparar-se para os desafios do futuro rapidamente se quiser sobreviver. As vozes se misturam, os olhos sedentos nunca param de espreitar e o perigo está onde ela menos imagina. Será que Julianne conseguirá enfrentar tudo isso?




      Deixe – me Entrar é um livro sobrenatural que  despertou minha atenção na primeira página por causa dos acontecimentos eletrizantes que tive a oportunidade de degustar  nos dois primeiros capítulos que a autora disponibilizou para alguns blogueiros.
     A história começa com um vestígio do passado, no dia 15 de fevereiro de 1462, quando o vampiro Gerard Chevalier espionava pela escuridão três mulheres acorrentadas sendo levadas à força pelas ruas de Cannes para serem executadas por bruxaria, pois desde que a irmã Angéle foi encontrada morta e com o corpo desprovido de sangue a inquisição começou a perseguir quatro mulheres para incriminá-las.
     Desesperado para salvar a bruxa Jeanne, o grande amor de sua vida, Gerard foi para a mansão e a encontrou debruçada sobre a escrivaninha. Então Jeanne no ato de desespero e com um fio de esperança, pede o vampiro que beba seu sangue até sua morte, dando para  Gerard todos os  seus conhecimentos e dons para fortalece-lo e assim,  ele teria força suficiente para esperar Jeanne reencarnar  para ficarem juntos novamente.
     Após a morte de Jeanne, Gerard registra a morte da sua amada no diário dela e põem fogo na mansão como a Jeanne pediu e vai embora do local totalmente devastado.
    Nos dias atuais, a história  apresenta a jovem Julianne Ipswich. Uma moça que cresceu confinada nos corredores do internato suíço chamado Le Rosey, onde sempre teve carinho do casal  Eliina e Jansen, que sempre a tratou como filha, pois seus pais biológicos só lembravam dela em  ocasiões especiais  e comunicavam com ela através de cartas e telefonemas para parabenizá-la.
    Até que um belo dia, Julianne é informada que tinha chegado o momento de voltar para casa para conviver com sua  família biológica. Contudo, no momento que foi despedir de Eliina e Jansen, o casal revela um segredo importantíssimo e pede para Julianne não confiar em ninguém  para proteger sua própria vida.  
     A degustação terminou muito rápido porque a narrativa desenvolve tranquilamente e  desejei ter o livro para conferir a história completa.
    Os personagens foram agradáveis e tudo indica que terá personalidades marcantes. Eu adorei os acontecimentos do prólogo onde foi apresentado o vampiro Gerard e realmente quero saciar minha curiosidade sobre a trama.
    Bom...  As primeiras impressões do livro Deixe – me Entrar, está concluída aqui no blog Histórias Existem Para Serem Contadas e pode ter certeza que deixou esperança de obter a continuação da leitura.
   Até o momento tudo indica que o livro vale a pena.

  
" Gerard deixou que a fera se apoderasse dele; aquela que havia controlado da melhor maneira possível desde que a conhecera agora o dominava. Fechou os olhos e cravou as presas pontiagudas no pescoço alvo de sua amada."   ( pág. 12 )



       . Sobre a autora:


        Letícia Maria de Godoy nasceu em 13 de fevereiro de 1994 na cidade de Curitiba, no Paraná, porém cresceu em Siqueira Campos, onde descobriu, sentada sob as sombras da casa onde morava, o seu gosto pela leitura. Aprendeu a ler e escrever aos 4 anos de idade, tendo como primeira professora sua mãe, e aos 8 anos começou a escrever seus primeiros contos em restos de cadernos escolares. Desde então, nunca mais parou. Aos 17 anos passou no vestibular para ingressar na faculdade de Letras, um sonho que se tornou realidade. Aos 18 anos, publicou três contos na antologia intitulada Pontos da Vida, sua primeira aventura no ramo da literatura. Atualmente dedica-se a escrita de romances, a revisões textuais e pesquisas no ramo da linguística aplicada.

     

10 de fevereiro de 2016

[ Primeiras Impressões ] Do Éden à Luxúria | Ananda V.



     Olá pessoal!
     Tudo bem?
     Espero que esteja tudo bem.
     Hoje eu vou deixar minhas primeiras impressões do livro Do Éden à Luxúria da autora Ananda Veloso que está sendo lançado pela Editora Arwen. 
     Venha conhecer:


 


  . Sinopse: Um bar esquecido pelo tempo chamado Devil's Throat — o Gênesis da queda de Melissa Saccer, uma garota que tem sido atormentada por um pesadelo do qual não se recorda ao abrir os olhos. Há centelhas de memórias, passagens de um conto de Edgar Allan Poe, mas nada substancial que possa lhe ajudar.
William, um forasteiro enigmático que se comporta como um cavalheiro inglês da época vitoriana. Quantos segredos ele esconde por trás da imensidão de seus olhos azuis?
Nessa jornada sombria e solitária que Melissa enfrentará, nada é como parece ser. A verdade, a mentira, o mal e o bem tem múltiplas faces, pontos de vista conflitantes. Esteja preparado para se apaixonar, mas, acima de tudo, esteja preparado para a queda.




      Mais um livro que deixo minhas primeiras impressões com aquele gosto de quero mais  e logo que terminei a leitura, foi entrando na lista de desejados, porque fiquei bastante curiosa para conhecer a história completa.
     Do Éden à Luxúria é o primeiro livro da trilogia O Círculo dos Imortais que contará a história da Melissa Saccer, uma jovem de dezessete anos que mora sozinha na pensão Fernandez.
     Com uma personalidade forte e possuindo seu próprio estilo,  Melissa enfrenta o ensino médio sendo reservada e com poucos amigos, mas o que diferencia das demais jovens da sua idade, são os seus constantes pesadelos que acabam deixando – a amedrontada  e com insônia.
     Numa certa noite, Melissa acompanha sua amiga Megan no Devil’s Throat. Um bar conhecido por sua clientela perigosa  e após passar por um aborrecimento provocado  pela Megan, Melissa  fica inconsciente  por alguns minutos.   
     Quando retorna a si, Melissa conhece Willian, um rapaz desconhecido que foi bem prestativo com ela no momento  do desmaio, contudo o Willian mostrou ser um rapaz muito misterioso.
     Entretanto Melissa descobre que Willian é o novo inquilino da pensão onde ela mora e além do grande interesse que ambos passam ter um pelo outro durante os trechos lidos, Melissa continua tendo pesadelos horríveis, visões apavorantes e desmaios frequentes que a faz pressentir que pode ser algo sobrenatural.
     Durante a degustação da história, descobri muito sobre a vida de Melissa e sua convivência com os conflitos do ensino médio e amizade com seus amigos.
     A narrativa é bem detalhada e contém um ritmo que desperta um desejo intenso pela trama.   A capa está lindíssima, mostrando que corresponde com  o romance e a trilha sonora do livro é simplesmente  um luxo. Amei todas as músicas que apareceu em destaque, pois escuto elas praticamente todos os dias.
    Enfim... Leitura das primeiras impressões concluída e mesmo sem conhecer o desfecho da história, eu já recomendo o livro. 
    Vale a pena conferir essa trama eletrizante!



"Alguma parte de meu cérebro ficou consciente do fato de que as lâmpadas do Devil’s Throat piscavam, ora nos engolindo nas trevas, ora enchendo o ambiente com luz."  ( pág. 22 )

"Sem ofensas, cara, mas não gosto de acordar em um quarto escuro com um total estranho. Não sou uma maldita princesa de contos de fadas." ( Pág. 24 )


    . Sobre a Autora: 



    Ananda V. é uma autora baiana, que escreve a série de livros “O Círculo dos Imortais”. Desde pequena, fascinava-se por histórias de gêneros fantasiosos e, ao ganhar uma competição de historinhas aos oito anos, percebeu o quanto amava a arte da escrita.
Atualmente, Ananda divide seu tempo entre escrever, cuidar dos seus amados bichos de estimação e cantar em uma banda de Metal/Hardcore chamada Born of Desire.
    


       E vocês já leram as primeiras impressões Do Éden à Luxúria?
       Então me conta o que achou dele. Vou adorar ler seu comentário.