31 de maio de 2016

[ Sorteio ] Aniversário Sir James Matthew

       Olá Pessoal!
       Tudo Bem?
       Para comemorar o aniversário do blog Sir James Matthew, 21 blogs se uniram para comemorar e presentear vocês, leitores, com kits super especiais. Serão 4 vencedores, um para cada kit. E para participar é muito fácil, basta seguir as regras de cada formulário e torcer bastante.



30 de maio de 2016

[ Caixa de Correio ] Maio - 2016


     Olá Pessoal!
     Tudo bem?
     Hoje eu vou mostrar os livros que chegaram durante o mês de Maio e que serão futuras leituras.
     Venha conferir:



29 de maio de 2016

[ Resenha ] Diário de Um Exorcista | Renato Siqueira e Luciano Milici



      Olá Pessoal!
      Tudo bem?
      Espero que esteja tudo bem.
      Hoje eu trago para o clube do medo, a resenha  do livro Diário de Um Exorcista dos autores Renato Siqueira e Luciano Milici, publicado pelo  Selo Generale da Editora Évora.
    Venha e conheça minha opinião.


 “ Vocês não imaginam como isso prejudica quem verdadeiramente trabalha no ofício do Senhor. 
Ainda assim, não os condeno, quem sou eu para isso?
 Acredito que cada um tenha uma razão para fazer o que faz, seja certo ou errado.” 
 ( Padre Lucas Vidal – pág. 08 )


25 de maio de 2016

[ Resenha ] A Garota de Boston | Anita Diamant



    Olá Pessoal!
    Tudo bem?
    Espero que esteja tudo bem.
    Hoje eu vou deixar minha resenha do livro A Garota de Boston, da autora Anita Diamant e publicado pela NVersos Editora.
    Venha e conheça minha opinião.




“Como me tornei a mulher que sou hoje? 
Tudo começou na biblioteca, no clube de leitura. Foi lá onde comecei a ser eu mesma.” 
  ( Addie – pág. 14 )


“ Você é idiota? Casamento e filhos são a coroa de uma mulher.”
 ( Mãe de Addie – pág. 18 )


. Dados Sobre o Livro:
- Título Original: The Boston Girl
- Autora: Anita Diamant
- Editora: NVersos
- 1ª Edição
- Ano: 2016
- 366 páginas
- Tradução de: Guilherme de Oliveira Ferreira

- Onde comprar: Saraiva | Folha | Travessa

. Sinopse:
A Garota de Boston de Anita Diamant, é um inesquecível romance sobre a jovem judia Addie Baum, e se passa no começo do século XX, retratando a vida de uma mulher espirituosa, filha de um casal de imigrantes judeus. Crescendo em North End of Boston, um bairro multicultural, a inteligência e a curiosidade de Addie inserem-na em um mundo com o qual seus pais não estão acostumados a lidar: saias curtas, filmes, celebridades e novas oportunidades para as mulheres. Ela quer terminar o ensino médio, sonha em entrar na faculdade, seguir uma carreira e encontrar o verdadeiro amor. A Addie de agora, com oitenta e cinco anos, nos conta suas aventuras com humor e compaixão pela tola garota que ela foi um dia. Acompanhamos sua jornada do apartamento de cômodo único, dividido com os pais e as irmãs. Do primeiro e desastroso affair até a chegada do amor de sua vida. Igualmente aos seus romances anteriores, A garota de Boston é emocionante e cheio de detalhes históricos. Retrata a vida complicada de uma mulher no começo dos anos 1920 na América do Norte, e apresenta uma fascinante visão da geração de mulheres que foi em busca de seus lugares num mundo em mutação.


“ Quando olho para meu rosto de oitenta e cinco anos de idade no espelho hoje em dia, penso:
 Você não ficará mais bonita do que está hoje, querida, então sorria. 
Quem disse que um sorriso é a melhor plástica era uma mulher inteligente.” 
 ( Addie – pág. 165 )

   

Uma História de Vida

      Fiquei profundamente lisonjeada com a oportunidade de conhecer A Garota de Boston. É um livro repleto de experiências, que traz uma história inspiradora que não imaginava conhecer, que superou minhas expectativas.  
     A Garota de Boston inicia-se em 1985, quando Ava, neta de Addie, pede  para sua avó contar a história de sua vida, como ela tornou – se a mulher que é atualmente.
     Nascida de pais imigrantes e judeus da Europa Oriental, Addie com 85 anos, começa contar sua trajetória a partir da chegada da sua família à Boston. Suas irmãs mais velhas nasceram na Rússia e com seu nascimento em 1900, Addie tornou-se a única filha americana.
     A família vivia em um cortiço e graças à suas irmãs, Addie ainda tinha a chance de continuar os estudos, pois viviam em uma época em que a maioria das mulheres não terminava os estudos e apenas tinham o único propósito de casar e ter filhos.
     Em 1915, além de frequentar a escola, Addie também ia à fundação da Salem Street  para as aulas de culinária, mas na maior parte do tempo ficava na biblioteca,  para terminar os trabalhos escolares e participava do clube de leitura com garotas da sua idade.
     Um dia, após recitar um poema para o grupo de garotas, Addie foi convidada pela Srta. Chevalier, a participar do Clube Sabático para recitar o poema que havia lido durante a reunião do clube de leitura.
     No clube Sabático, Addie é convidada para conhecer  Rockport Lodge, um acampamento de verão para jovens senhoras perto de Boston e Addie começa enxergar este convite como uma possibilidade de mudar de vida e tornar-se completamente moderna, mesmo  sem o apoio da sua mãe, que permanecia firme com idéias enraizadas ao seu passado.
     Durante a leitura eu fiquei totalmente envolvida com a história. O enredo é tão agradável que dá a sensação de estar ouvindo uma história contada pela minha avó.
     Addie é uma personagem cheia de sabedoria e uma profunda compaixão nos sentimentos. Consegue transmitir sua história aquecendo o coração até nos momentos simples da narrativa. Ela se interessava por tudo e mostrou coragem em explorar as oportunidades que apareceu na sua vida.
    Conseguiu cortar meu coração com lembranças tristes, valores nos laços familiares e de amizade.  Narrou momentos alegres e deve inteligência no momento certo quando teve vários conflitos com sua mãe para fazer suas próprias escolhas e traçar seu próprio caminho.
    A autora soube ilustrar as lutas contra a pobreza e as diferenças culturais que os imigrantes enfrentaram em países desconhecidos. Detalhe por detalhe, Anita Diamant criou uma história com um pano de fundo histórico do início do século XX, relatando a Primeira Guerra Mundial, epidemia de gripe, aborto e controle de natalidade. 
   Também é citado o racismo, o trabalho infantil e a evolução das mulheres buscando oportunidades para participar de forma integral na sociedade. Tudo isso de forma realista, mas não deixando o encantamento do romance de lado, pois consegue comover rapidamente.
    Enfim, é  um livro interessante e bastante informativo. Eu recomendo principalmente para leitores que gostam de assuntos fortes, mas abordados de forma leve e contém uma semelhança ao um livro de memórias. Vale a pena ler.


Livro fornecido gentilmente pela  NVersos Editora e Cortesia do blog Doces Letras.


 “Não deixe ninguém lhe dizer que as coisas não são melhores do que eram” 
( Addie – pág. 250 )

    . Sobre a Autora:

      Nascida em Nova Iorque, Anita Diamant é uma premiada jornalista e autora de cinco livros sobre a vida judaica contemporânea. Formou-se em Literatura Comparada pela Universidade de Washington e fez um mestrado em língua inglesa na State University de Nova Iorque.
Durante mais de 20 anos, como jornalista freelance, escreveu artigos para diversos jornais e revistas, tais como o New England Monthly, o Boston Globe, Parenting e outros. A partir de 1985, ela começou a escrever artigos sobre as práticas judaicas contemporâneas e a comunidade judaica. A Tenda Vermelha é sua primeira obra de ficção. Atualmente a autora mora em Massachusetts, nos Estados Unidos, com seu marido e filha Emília.




. Esse livro também contém uma resenha no Blog Doces Letras, onde participo como Colaboradora do blog.




     Já leu A Garota de Boston?
     Então me conta o que achou dele. Vou adorar ler seu comentário.


24 de maio de 2016

[ Lançamento ] Os Condenados - Andrew Pyper



     Olá Pessoal!
     Tudo bem?
     Danny Orchard conseguiu enganar a morte e ganhou uma segunda chance para viver. Só que ele não voltou do inferno sozinho. Em Os Condenados, Andrew Pyper, autor do fenômeno O Demonologista, explora as conexões de amor e ódio entre irmãos gêmeos, numa história sobrenatural digna de pesadelos que a Editora Darkside está publicando.
    Venha conferir:



23 de maio de 2016

[ Resenha ] Desafio de Leitura #12mesesdepoe – Revelação Mesmeriana



        Olá Pessoal!
        Tudo bem?
         Hoje eu estou trazendo a quinta resenha do projeto de Leitura Coletiva das Obras de Edgar Allan Poe, organizado pelo Blog da Anna Costa.
         Venha e conheça minha opinião.



20 de maio de 2016

[ Sorteio ] Doces Letras 5 Anos



     Olá Pessoal!
     Tudo Bem?
     Hoje o blog Doces Letras(este blog) está completando 5 anos e para comemorar nada melhor do que um belo sorteio! Obaaa
    O Doces Letras se uniu a alguns blogs amigos e traz para vocês um sorteio de 2 lindos kits.
    Vamos festejar?
    




19 de maio de 2016

[ Resenha ] Muito Além das Aparências | Dill Ferreira



    Olá Pessoal!
    Tudo bem?
    Espero que esteja tudo bem.
    Hoje venho deixar minha resenha do livro Muito Além das Aparências da autora Dill Ferreira.
    Venha e conheça minha opinião.







 “Ao seu lado descobri a vida e isso é muito bom. 
Passo o dia todo desejando voltar para casa e sempre que retorno, tenho a certeza de que eu serei premiado com afeto e amor que somente pessoas sintonizadas e dispostas a fazer uma relação feliz são capaz de conseguir. 
Eu tenho isso, aliás, nós temos.”  
 (  Tony – pág. 13 )

17 de maio de 2016

[ Pré – Book Tour ] Fascínio Egípcio 2 - Luciane Vieira Z.



   Olá Pessoal!
   Tudo bem?
   Espero que sim.
    Hoje eu trago para vocês a notícia de mais um Book Tour que o blog Histórias Existem Para Serem Contadas  terá o prazer de participar.
    Venha conferir:




       O Book Tour Fascínio Egípcio II, está sendo organizado pela blogueira Sammysam Rosa  do blog Da Imaginação aEscrita e o livro foi  publicado pela Editora MODO.
      Vamos conhecer um pouco sobre o livro:



"Após os nefastos acontecimentos que abalaram o Egito, o país se encontra em meio a uma guerra. O Faraó, muito debilitado, não tem condições de liderar o exército.
As ameaças de Rui fazem a princesa reagir. Ela se vê obrigada a levar seu filho pequeno à guerra. Suas preocupações ficam divididas entre a segurança de Horus e o que ouviu do deus Amon sobre Zeq. Procurando o sentido das palavras de Amon, ela se torna sua devota, assim a outrora descrente princesa agora coloca todas as suas esperanças no deus obscuro, crendo que de alguma forma ele venha a cumprir suas promessa e lhe devolva seu marido.
No decorrer da história, Naia é manipulada, Armais tem que aprender a lidar com o poder, o segredo do Faraó vem à tona e a princesa tem o esperado encontro com o sedutor deus Amon."




Que esse book tour seja um sucesso!




     Em breve estarei deixando minha opinião sobre o livro.
     Já leu o livro Fascínio Egípcio II?
     Então me conta o que achou dele. Vou adorar ler seu comentário.


14 de maio de 2016

[ Divulgação ] A Editora Pandorga Lança Selo Chronos



    Olá Pessoal!
    Tudo bem? 
     Espero que esteja tudo bem.
     A Editora Pandorga traz um novo selo batizado de Chronos que trará livros de ficção científica, fantasia, literatura clássica e histórias em quadrinhos.
Venha conferir:





Chronos, como será chamado, trará livros de ficção científica, fantasia, literatura clássica e histórias em quadrinhos. Estreando com quatro títulos, o selo Chronos apresenta os livros Luke Skywalker não sabe ler – e outras verdades Geek, do autor Ryan Britt; o box da série Minecraft – livros extraoficiais para Minecrafters, da autora Winter Morgan; Desafio, o primeiro exemplar da série Canções de Antion, escrita pela autora Sarah B. Larson; e Truthwitch, da escritora best-seller do NY Times, Susan Dennard.
Com a criação do selo, a editora pretende disseminar títulos e autores de ficção e trazer novos adeptos a esse conteúdo, que abrange desde os primórdios da literatura fantástica até as mais atuais apostas da feira de games E3 e do cinema. A Editora Pandorga tem como objetivo trazer livros de qualidade que atendam as necessidades especialmente do público jovem, formando assim os novos leitores brasileiros, com um catálogo que abrange os mais diversos assuntos que até hoje dominam o imaginário da literatura mundial. 


Sobre a Editora:
Com um catálogo que abrange os mais diversos assuntos que até hoje dominam o imaginário da literatura mundial, a Editora Pandorga tem como objetivo trazer livros de qualidade que atendam as necessidades especialmente do público jovem, formando assim os novos leitores brasileiros. Outra preocupação da Editora Pandorga é relacionada com as crianças e seus pais, que no papel de educadores, precisam ter nos livros um apoio para a educação de seus filhos. Seja para as aventuras dentro do mundo fantástico da leitura infantil ou no apoio aos familiares sobre a educação de seus filhos, a Pandorga possui um acervo de títulos que irão agradar a todos.


    Gostaram da novidade?
    Então conta o que achou. Vou adorar ler seu comentário.



13 de maio de 2016

[ Lançamento ] Em Algum Lugar nas Estrelas - Clare Vanderpool



    Olá Pessoal
    Tudo bem?
    Espero que esteja tudo bem.
    Os livros são ótimos companheiros de viagem. Alguns conseguem ir além e se transformam em companhias para a vida inteira. É o caso de Em Algum Lugar nas Estrelas, da autora norte-americana Clare Vanderpool que será publicado pela Editora Darkside. Um romance intenso sobre a difícil arte de crescer em um mundo que nem sempre parece satisfeito com a nossa presença.
     Venha Conferir:



10 de maio de 2016

[ Lançamento ] O Último Adeus



   Olá Pessoal
   Tudo bem?
   Espero que esteja tudo bem.
   A autora de fantasia que está encantando leitores com a força de sua escrita lança seu primeiro romance contemporâneo – uma trama comovente e impactante situada nos dias de hoje. Depois de sucessos internacionais como a saga Sobrenatural, Cynthia Hand demonstra todo o seu talento numa história sobre perda, culpa e superação.
   Venha Conferir:



8 de maio de 2016

[ Divulgação ] A Companhia das Letras Faz 30 anos e Tem Promoção Para Comemorar!



      Olá Pessoal!
      Tudo Bem ?
      Espero que esteja tudo bem.
      Já começou a promoção de 30 anos da Editora Companhia das Letras.
      Venha conferir:


      De 2 a 16 de maio, centenas de livros do Grupo Companhia das Letras estarão à venda com 50% de desconto em diversas lojas virtuais e livrarias físicas. Comemore os 30 anos da Companhia das Letras com boas leituras! Aproveite!


     Veja alguns títulos que estarão em promoção até o dia 16/05:



O DIÁRIO DE GUANTÁNAMO
Desde 2002, Mohamedou Slahi está preso no campo de detenção da Baía de Guantánamo, em Cuba. No entanto, os Estados Unidos nunca o acusaram formalmente de um crime. Um juiz federal ordenou sua libertação em março de 2010, mas o governo americano resistiu à decisão e não há perspectiva de libertá-lo.
Três anos depois de sua prisão, Slahi deu início a um diário em que conta sua vida antes de desaparecer sob a custódia americana, o processo interminável de interrogatório e seu cotidiano como prisioneiro em Guantánamo. Seu diário não é apenas um registro vívido de um erro da Justiça, mas um livro de memórias denso, multifacetado, aterrorizante, sombrio e autoirônico.




HITLER
Quando foram publicados, em 1998 e 2000, os dois volumes da monumental biografia de Hitler escrita por Ian Kershaw foram imediatamente saudados em todo o mundo como obras fundamentais sobre a figura mais sinistra da história do século XX. A presente tradução foi realizada a partir da versão condensada elaborada pelo autor, que eliminou cerca de quatrocentas páginas de notas e referências - destinadas sobretudo ao público acadêmico -, sem no entanto prejudicar a força da narrativa e o poder de seu argumento.
Kershaw escreve baseado na farta documentação já conhecida e em novas fontes, como o surpreendente diário de Goebbels, redescoberto no início da década de 1990, que traz revelações mais íntimas sobre as atitudes, as hesitações e o comportamento de Hitler no poder. A trajetória inteira desse indivíduo que parecia destinado ao fracasso e que acabou na direção de um dos países mais desenvolvidos, cultos e complexos da Europa é esmiuçada pelo autor, em busca de uma explicação para essa incrível trajetória ascendente, para o domínio que Hitler exerceu sobre as elites alemãs e para a catástrofe que causou em seu país e no resto do mundo.
Sem desprezar os traços de personalidade do ditador na explicação da história, o autor enfatiza os aspectos sociais, políticos e econômicos da sociedade alemã traumatizada pela derrota na Primeira Guerra, a instabilidade política, a miséria econômica e a crise cultural. E, em vários momentos, Kershaw permite-se fazer exercícios contrafactuais, perguntando-se como tudo poderia ter sido diferente se, por exemplo, a elite conservadora alemã tivesse se comportado de outra maneira, ou se as potências ocidentais não tivessem hesitado tanto, ou mesmo se Hitler simplesmente não tivesse tido tanta sorte (sua sobrevivência a vários atentados, por exemplo, se deveu muitas vezes ao acaso).
De um lado, o autor evita as simplificações de alguns críticos do nazismo, mas por outro contesta, utilizando para isso um exame detalhadíssimo de documentos e eventos, as teorias revisionistas que tentam “absolver” Hitler do Holocausto. Ele mostra que, de fato, não existe uma ordem escrita por Hitler para a execução da “solução final para a questão judaica”, mas isso não o isenta da responsabilidade pelo extermínio de milhões de judeus, pois, além de estimular verbalmente essa “aniquilação” (palavra que usava com prodigalidade), ele estava perfeitamente a par do que se passava nos campos de concentração (“Não faço nada que o Führer não saiba”, disse o carrasco-mor Himmler).
Em suma, trata-se da biografia mais completa e abrangente do homem que levou o racismo, o desprezo pela vida humana, a insensatez política e o desvario militar a extremos tais que o romancista Norman Mailer chegou a ver nele a pura encarnação do demônio.



MICK JAGGER
Mick Jagger é o astro da música que melhor encarnou o ideal de sexo, drogas e rock’n’roll. Nesta que é a mais completa biografia do líder dos Rolling Stones, Philip Norman refaz os passos da consagração de Mick Jagger e mostra como ele se tornou um showman sedutor, o protótipo do pop star genial, escandaloso e milionário.
A partir de uma pesquisa detalhada e numerosas entrevistas, Norman reconstitui a infância de Mick (nascido Mike), o início da carreira do grupo (quando os Stones rivalizavam com os Beatles) e acompanha cronologicamente a evolução da banda, revelando bastidores da criação de clássicos como “Satisfaction”, “Jumpin’ Jack Flash”, “Brown sugar” e “Start me up”. O livro repassa os episódios turbulentos da carreira do astro e seu grupo, como a morte de Brian Jones, a relação de amor e ódio com Keith Richards, a prisão e o processo por porte de drogas em 1967 e o trágico concerto de Altamont (Califórnia), em 1969, quando um membro da plateia foi esfaqueado até a morte pelos Hell’s Angels, enquanto Mick Jagger cantava “Sympathy for the Devil”. Ganham destaque os relacionamentos conjugais e extraconjugais com mulheres atraentes e famosas como Marianne Faithful, Bianca Jagger, Jerry Hall, Carla Bruni e Angelina Jolie.
O autor também relata o envolvimento de Mick Jagger com Luciana Gimenez em 1998, no Rio de Janeiro, quando ainda era casado com Jerry. Mick planejava vir ao Brasil com Angelina Jolie, mas a atriz cancelou a viagem. No Rio, durante a turnê Brigdes to Babylon, o cantor acabou se envolvendo com a modelo brasileira, com quem teve um filho, Lucas, nascido em 1999 e reconhecido depois de um processo legal movido por ela. Hoje, sir Mick Jagger, condecorado pela rainha da Inglaterra, é um respeitado avô de quase setenta anos, mas sua imagem e sua voz ainda inspiram fãs e admiradores. A biografia restitui ao astro sua dimensão humana, retratando um personagem complexo, vulnerável e afetivo. O estilo envolvente de Philip Norman narra como, em sua longa trajetória de mais de cinquenta anos como astro e ícone sexual, Mick Jagger foi assimilado pelo establishment, mas manteve a mística transgressiva e fascinante do rock.


       Gostaram da promoção?
       Pretende adquirir algum desses livros? 
       Então deixa sua opinião. Vou adorar ler seu comentário.


7 de maio de 2016

[ Lançamento ] Invocadores do Mal – Ed e Lorraine Warren



  Olá pessoal!
  Tudo bem?
  Hoje eu trago para você o lançamento do livro Invocadores do Mal dos demonologistas Ed e Lorraine Warren  que a Editora Pensamento está publicando.




[ Divulgação ] Dicas de Presentes Para o Dia das Mães da NVersos Editora



    Olá Pessoal!
    Está tudo bem? 
    Espero que esteja tudo bem.
    Hoje eu trago  dicas da  NVersos Editora para presentear no dia das mães. Corre para uma livraria que ainda dá tempo!
   Venha conferir:




Ficha Técnica:
Autora: Daisy Prescott
Número de Páginas: 320
Estrutura: 14 x 21
ISBN: 978-85-8444-010-8
Maggie Marion é uma mulher na faixa dos 40 anos que escreve artigos sobre gastronomia e agora está voltando à vida normal depois de um período difícil de sua vida, no qual teve de enfrentar um divórcio conturbado e a morte dos pais. Com a aproximação do reencontro de vinte anos da turma da faculdade, ela decide convidar quatro de seus amigos mais íntimos dessa fase de sua vida para passar um fim de semana em sua casa de praia na Ilha Whidbey. O que ela não esperava era que, neste reencontro, seus melhores amigos, o artista Quinn Dayton e a autora de romances eróticos nas horas livres Selah Elmore, fossem bancar o Cupido. Os dois armam uma surpresa que deixará o fim de semana, e a vida dela, muito mais interessantes. Selah avisa Maggie que levará uma pessoa misteriosa, mas logo ela descobre que se trata de Gil Morrow, um antigo amor da época de faculdade. O romance se desenrola baseado neste reencontro, com os personagens relembrando momentos marcantes, brincadeiras espirituosas e as nuances que levaram cada um a fazer determinadas escolhas, que pautaram os rumos de suas vidas. Enfrentando seus próprios medos e fantasmas, Gil decide que esperou tempo suficiente para conquistar a mulher que sempre amou e, contando com a ajuda do casal Ben e Jo, Gil faz Maggie se lembrar de que ter mais de 40 anos não significa que ela esteja velha para uma segunda chance. O que acontece quando a geração de Clube dos Cinco e Caindo na Real fica frente a frente com a de O Reencontro? Venha passar um final de semana com essa Geração X, enquanto eles compartilham risadas, lágrimas, altos e baixos da vida, histórias antigas e novos recomeços.



Ficha Técnica:
Autor: Josiah Howard
Páginas: 348
Formato: 17 X 23 cm
ISBN: 978-85-64013-71-1
O currículo de Cher é extenso. Tão extenso que essa obra homônima se resume a analisar um período de sua vida. A artista, uma das mais longevas e múltiplas a cruzar a ribalta da mídia.  Se formos nos ater apenas às premiações da multi-artista, Cher vendeu mais de 100 milhões de álbuns solo e 40 milhões de discos como parte da dupla com Sonny, seu ex-marido. Vencedora do Oscar e de três Globos de Ouro ela é também considerada um ícone gay. Em 1998, foi agraciada pelo GLAAD Media Awards (Gay & Lesbian Alliance Against Defamation) com o Vanguard Award, prêmio oferecido aos membros da comunidade do entretenimento que fizeram ganhos significativos na promoção da igualdade de direitos para gays e lésbicas.
Não bastando tudo isso, a cantora também se aventurou na empreitada de apresentar um programa de variedades na televisão norte-americana, exibido na CBS nas noites de domingo entre fevereiro de 1975 e janeiro do ano seguinte. Durante o período, Cher viveu uma das fases mais turbulentas de sua vida pública, tendo, entre outras coisas, comparecdido a um tribunal para testemunhar em um caso de homicídio; encerrado formalmente seu relacionamento romântico e comercial de dois anos com o magnata da mídia David Geffen; respondido a uma ação judicial de seu pai, John Sarkisian, que pedia US$ 4 milhões por “invasão de privacidade” e outras coisas. Apesar da série de interpéries, a artista crescia, ganhando popularidade e brilho a cada novo obstáculo. Analisando as correntes a favor e contra, e todos os acontecimentos desse momento da carreira de Cher, o biógrafo Josiah Howard, coletou entrevistas e depoimentos de personagens, familiares, diretores e amigos, traçando um retrato da artista tão multifacetado e inclassificável quanto a sua própria vida. O livro ainda conta com um detalhado e vasto acervo de fotos, com  registros dessa época marcante de Cher.



Ficha Técnica:
Autora: Norma Bengell
Organizadora: Christina Caneca
Páginas: 366 páginas
Formato: 16 x 23 cm
ISBN: 978-85-64013-68-1
Norma Bengell foi tudo. A atriz, de pouco destaque atualmente, mas sempre relevante, atravessou as décadas como uma das mais bem sucedidas artistas, do país, tendo atuado, dirigido, e assumido posições políticas sempre na vanguarda de sua época. Do começo como manequim na Casa Canadá até os filmes italianos com o renomado diretor Alberto Lattuada e o affair com o ator Alain Delon. Dos primeiros filmes, com Oscarito, em O Homem do Sputnik. Da chegada ao festival de Cannes, com o elenco de O Pagador de Promessas até a sua participação na bossa nova e nas revoluções de 68. Do primeiro nu frontal da história do cinema nacional em Os Cafajestes até o exílio na França, com atuações aclamadas no Théâtre National Populaire e a condecoração pelo então presidente do país, François Mitterrand. Norma foi um ícone, representou todos os papéis que uma personalidade pode ter, literal e figurativamente. A autobiografia da artista, publicada póstumamente, conta todos os momentos que a atriz viveu, suas glórias e decepções, incluindo a importante contribuição para o cinema nacional, tanto como diretora do filme Eternamente Pagu, sobre a militante feminista e uma das mais importantes (e também injustamente desconhecidas) intelectuais do Brasil, quanto com sua participação na retomada do cinema brasileiro nos anos 90, intermediando diretamente com os presidentes Collor e Itamar Franco por apoio financeiro e pela aprovação da Lei Rouanet. Atriz, dançarina, militante, musa, sex symbol, diretora, condecorada, pioneira, Norma foi tudo, e a única coisa que nunca poderá ser é esquecida.



Ficha Técnica:
Autores: Stefan Kornelius
Páginas: 288 páginas
Formato: 16 x 23 cm
ISBN: 978-85-8444-036-8
Nesta fascinante biografia, Stefan Kornelius revela a pessoa por trás da personalidade política, trazendo à tona muitos detalhes intrigantes sobre a trajetória pessoal e profissional de Merkel. Ele habilmente examina o pano de fundo por trás da vida da chanceler e suas convicções ideológicas, a fim de explicar a natureza de seu poder e seu influente papel na a Comunidade Europeia. ANGELA MERKEL fez um caminho notável para se tornar uma estadista. Ela se criou em Templin, uma cidade com guarnição soviética, fascinada pela Califórnia, convencida do poder da liberdade e da força de seus argumentos. Em somente duas décadas, conquistou a posição de liderança entre os governantes do mundo. Viajando como mochileira, testemunhou a decadência do socialismo real no albergue da estação de trem de Tiflis; convidada como chanceler, desfrutou da pompa de um State Dinner na Casa Branca. Os Estados Unidos como nação salvadora com pequenos sintomas de fraqueza; a Rússia amada e Putin, o Eterno, como contraente; a fidelidade a Israel; a luta constante contra os fardos das guerras – o mundo de Merkel está claramente definido. E ele se medirá, em última instância, pelo destino da Europa. 


      Gostaram da promoção?
      Então conta o que achou. Vou adorar le seu comentário.



4 de maio de 2016

[ Divulgação ] Promoção do Dia das Mães - Editora Companhia das Letras



      Olá Pessoal!
      Tudo bem?
      Espero que esteja tudo bem.
      Hoje vou deixar algumas dicas da Editora Companhia das Letras para presentear as mães no dia 8 de Maio.
      Venha conferir: 




    Dia 8 de maio é Dia das Mães, e nada melhor para presenteá-la do que um bom livro!
Acreditamos que a leitura une, reforça laços e leva novas histórias às pessoas amadas. Veja abaixo os livros que estão em promoção para o Dia das Mães. 


    Confira a sinopse de alguns livros:


AMOR DE NOVO (COLEÇÃO PRÊMIO NOBEL)
Podem o amor e o desejo sobreviver ao tempo? Neste romance repleto de alusões filosóficas e literárias, Doris Lessing investiga as raízes profundas dessas emoções na psicanálise, partindo do princípio de que os desejos e anseios de uma pessoa apaixonada têm suas raízes nas necessidades de amor da primeira infância. Sarah Durham tem 65 anos e há mais de vinte suspendeu voluntária e serenamente sua vida amorosa. Após a morte do marido, o acaso e a paixão pela arte dramática acabam conduzindo-a ao posto de diretora-gerente de um respeitado teatro do circuito de vanguarda de Londres que ela e seus amigos fundaram na década de 1970. No decorrer dos ensaios e da temporada de uma peça sobre a vida de uma jovem pintora e musicista, todo o elenco se vê influenciado pelo enredo, e Sarah encontra o amor, de novo, primeiro em Bill, um belo e jovem ator andrógino, em seguida no diretor do espetáculo, Henry, ambos muito mais jovens que ela.



CADÊ VOCÊ BERNADETTE?
Bernadette Fox é notável. Aos olhos de seu marido, guru tecnológico da Microsoft e rock star do mundo nerd, ela se torna mais maníaca a cada dia; para as demais mães da Galer Street, escola liberal frequentada pela elite de Seattle, ela só causa desgosto; os especialistas em design ainda a consideram uma gênia da arquitetura sustentável, e Bee, sua filha de quinze anos, acha que tem a melhor mãe do mundo.  Até que Bernadette desaparece do mapa. Tudo começa quando Bee mostra seu boletim (impecável) e reivindica a prometida recompensa: uma viagem de família à Antártida. Mas Bernadette tem tal ojeriza a Seattle - e às pessoas em geral - que evita ao máximo sair de casa, e contratou uma assistente virtual na Índia para realizar suas tarefas mais básicas. Uma viagem ao extremo sul do planeta é uma perspectiva um tanto problemática.  Para encontrar sua mãe, Bee compila e-mails, documentos oficiais e correspondências secretas, buscando entender quem é essa mulher que ela acreditava conhecer tão bem e o motivo de seu desaparecimento. Maria Semple revela, em seu segundo romance, a influência de grandes escritores contemporâneos como Jonathan Franzen e Jeffrey Eugenides, ao mesmo tempo que se afirma como uma voz original, marcada pelo melhor humor das séries de TV norte-americanas. Sem sentimentalismos, mas com muita empatia, Cadê você, Bernadette? trata do amor incondicional de uma filha por sua mãe imperfeita.

 AS HORAS NUAS - Romance
Rosa Ambrósio, uma atriz de teatro decadente, passa em revista, entre generosas doses de uísque, os amores de sua vida. O primo Miguel, sua paixão adolescente, morreu de overdose por volta dos vinte anos. Gregório, seu marido, virou um homem taciturno depois que foi torturado pela ditadura militar. Diogo, seu amante e último companheiro, trocou-a por moças mais jovens. Alternando vozes e pontos de vista, passando do fluxo interno de consciência à narrativa em terceira pessoa, Lygia Fagundes Telles atesta aqui sua maestria literária e sua maturidade artística, pondo em cena grandes temas de nosso tempo - o movimento feminista, a cultura de massa, a aids, as drogas -, mediados pelos destinos individuais de um punhado de criaturas. Publicado originalmente em 1989, As horas nuas tem sido aclamado desde então como um dos romances mais vigorosos e sutis da autora.


A MULHER TRÊMULA - Ou Uma história dos meus nervos
Siri Hustvedt proferia um discurso homenageando o pai, um professor universitário morto dois anos antes, quando se viu tomada por uma série assustadora de tremores abaixo do pescoço. Braços e mãos se movimentavam convulsivamente, a despeito de sua voz, que continuava sendo emitida com clareza e segurança. Esse foi apenas um primeiro episódio - a ele se seguiriam outros, sempre suscitando o mesmo elenco de questões e mobilizando todas as armas intelectuais da escritora.
Em A mulher trêmula, Hustvedt empreende uma busca pelas explicações - físicas, emocionais, filosóficas, clínicas - para sua situação. Desbravando com segurança um terreno marcado pela neurologia, psiquiatria, psicanálise e até mesmo pela criação artística, e o tempo todo amparada por autores como Dostoiévski, Freud, António Damásio e Oliver Sacks, a autora desnuda a própria narrativa dessa investigação ao mostrar que continua tendo mais perguntas do que propriamente respostas.
Temas como os limites entre o físico e o mental, a atual supremacia dos fármacos sobre as teorias de Freud e a necessidade de narrar o sofrimento para melhor apreendê-lo são debatidos neste livro que revela uma autora no auge de sua argúcia e curiosidade intelectual.

RAZÃO E SENSIBILIDADE
Originalmente publicado em 1811 sob o singelo pseudônimo “A Lady”, Razão e sensibilidade começou a ser escrito na década de 1790, quando Jane Austen (1775-1817) mal havia completado vinte anos. O livro é o primeiro da série de quatro romances que Austen publicou como edição do autor em seus últimos anos de vida. Todos se tornaram clássicos da literatura inglesa do século XIX.
Embora sua trama se desenvolva durante uma época de guerra e revolução no continente europeu, o romance concentra sua narrativa nas idílicas tramas de amor e desilusão em que duas belas irmãs inglesas se envolvem - Elinor e Marianne Dashwood - quando chega a idade do casamento. À procura do amor verdadeiro, as filhas órfãs de uma família pertencente à pequena nobreza enfrentam o mundo repleto de interesses e intrigas da alta aristocracia. Marianne e Elinor representam polos opostos do universo ético de Austen: Marianne é romântica, musical e dada a rompantes de espontaneidade, ao passo que Elinor é a encarnação da prudência e do decoro.
Ambientado nos cenários campestres do sudoeste da Inglaterra e nas casas senhoriais de Londres, o livro já foi adaptado inúmeras vezes para o teatro e o cinema. Esta reedição, com tradução de Alexandre Barbosa de Souza, conta com textos introdutórios dos professores e críticos britânicos Tony Tanner e Ros Ballaster, especialistas em ficção inglesa dos séculos XVIII e XIX, além de notas explicativas sobre o texto, a autora e sua época.



      Gostaram da promoção?
      Alguns desses livros chamou a sua atenção? Pretendem adquirir?
      Então me conte aqui nos comentários.



3 de maio de 2016

[ Lidos do Mês ] Abril - 2016:



      Oi Pessoal!
      Tudo bem?
      Espero que esteja tudo ótimo.
      Hoje eu  vou falar sobre as minhas leituras do mês de Abril.
      Todas as leituras foram bem proveitosas e consegui ler bastante, mas foi menos que os meses anteriores.
      Venha conferir:


2 de maio de 2016

[ Caixa de Correio ] Abril - 2016


     Olá Pessoal!
      Tudo bem?
      Hoje eu vou mostrar a caixinha de correio do mês de Abril que está bem recheada de livros maravilhosos, alguns marcadores que adicionei na minha coleção e outros que serão futuros sorteios aqui no blog. 
      Venha conferir: