03 junho 2016

[ Resenha ] Amor de Cordel | Andrea Marques



    Olá Pessoal!
    Tudo bem?
    Espero que esteja tudo bem.
    Hoje eu vou deixar a resenha do livro Amor de Cordel da autora Andrea Marques e publicado pela Editora Pandorga.
    Venha e conheça minha opinião.


“ Não se esquece alguém com quem se passou tantos anos da noite para o dia, mas o que quero dizer é que se ficar correndo atrás dele vou sofrer mais ainda e eu não quero isso. 
Eu quero seguir em frente, tentar ser feliz mesmo sem estar com ele.” 
( Carol – pág. 16 )



. Dados Sobre o Livro:
- Autora: Andrea Marques
- Editora: Pandorga
- 1ª Edição
- Ano: 2016
- 400 páginas

- Onde Comprar: Amazon | Saraiva

. Sinopse:
Aos 38 anos de idade, Carolina Borges achava que tinha a vida perfeita. Casada com Miguel, era feliz mesmo sem ter realizado o sonho da maternidade. No entanto, a convivência com o marido e seu bom desempenho profissional a deixavam satisfeita e segura. O destino lhe prega uma peça e, sem esperar, ela vê sua vida se modificar significativamente. Seu casamento chega ao fim, e sua carreira como terapeuta ocupacional, que sempre lhe proporcionou alegrias, passa a torturá-la. Isso acontece quando o jovem arquiteto Alexandre Bastos entra em seu consultório pela primeira vez, despertando em Carol sentimentos conflituosos que a farão repensar seus valores e a obrigarão a sair de sua zona de conforto para se arriscar em terrenos desconhecidos que poderão colocar em risco sua própria vida. Permeado por traições e intrigas, Amor de cordel é um romance contemporâneo que traz à tona assuntos do universo feminino, além de despertar a paixão até nas mulheres mais modernas e independentes.

“Mordi os lábios quando terminei a frase, e sem querer admitir para mim mesma, pedi secretamente aos céus que Alexandre realmente fosse apenas mais um paciente para mim.”
 ( Carol – pág. 48 )


Um Chick-lit Envolvente

      No  momento que comecei a ler Amor de Cordel, eu já imaginava encontrar uma história agradável, pois além de ter uma capa bastante bonita, também contém uma sinopse que desperta interesse para todos que gostam do gênero e estava bem curiosa para conferir a história.
     O que eu realmente não imaginava era encontrar um chick-lit envolvente, delicioso de apreciar e principalmente, consegue prender inteiramente.
     A história começa com Carolina Borges, uma terapeuta ocupacional em seu novo apartamento em São Paulo, durante o feriado de carnaval, relembrando o momento que passou por uma separação inesperada com Miguel. 
    Carol achava que tinha uma vida perfeita e segura ao lado de Miguel, mas após receber a noticia do fim do seu casamento de quatorze anos, ela modificou sua vida para recomeçar. Mesmo  sendo independente financeiramente, Carol ficou um pouco abalada, mas encontrou conforto com seus pais e sua irmã.
    Certo dia durante seu trabalho na clínica particular, Carol recebeu o arquiteto Alexandre Bastos em seu consultório para uma consulta, pois ele havia fraturado o punho no trabalho e precisava tratar da luxação.
     Depois de meses, Carol  começa perceber que ainda pode se apaixonar, já que o comunicativo Alexandre demonstra também ter uma forte atração por ela, entretanto o relacionamento do casal começa enfrentar alguns conflitos, pois Carol ainda têm desconfianças nos homens por causa do seu ex- marido Miguel, vários preconceitos com o pai de Alexandre por ser mais velha que Alexandre e mais alguns empecilhos que deixa a trama bem eletrizante.
     A história está repleta de reviravoltas, isso deixa o enredo surpreendente. Cada personagem foi bem criado e consegue envolver  rapidamente. A escrita bem detalhada da autora Andrea Marques faz leitura fluir agradavelmente e mostrou as dificuldades que os casais enfrentam e sofrem em um relacionamento com diferença de idade. 
    O romance é totalmente inesperado, com vários temas atuais. Além da diferença de idade,  a história aborda a diferença  entre classes sociais, preconceito com relacionamentos homossexuais e outros assuntos importantes que merecem respeito.
    Desde o início, a Carol, teve atitudes de uma personagem forte e determinada. Ela não ficou choramingando pelos problemas que passou. Ela demonstrou seus sentimentos com clareza, contudo não ficou implorando por carinho de ninguém. Esse foi um dos motivos que gostei do livro.
    Quero também elogiar a edição pela ótima diagramação, que além de ter uma capa encantadora, a ortografia está impecável e foi  uma fofura encontrar  corações no início de cada capítulo.
    Enfim, é um livro que recomendo para todos os leitores que adoram ler um romance bem escrito. Deu muita vontade de abraçar o livro quando a leitura foi concluída. 
    Muito bom mesmo! Vale a pena ler para quem gosta de Chick- lit.



 Livro fornecido gentilmente pela Editora Pandorga e Cortesia do blog Doces Letras.


 “ Não importa o que eu sinto, o que importa é que eu sou sua terapeuta, sou mais velha que você doze anos e nós somos de mundos completamente diferentes.” 
( Carol – pág. 90 )


    . Sobre a Autora:

   Andrea Marques, 40 anos, é casada e tem uma filha de 2 anos. É formada em Terapia Ocupacional pela Universidade Federal de São Carlos e, durante 15 anos, atendeu pessoas com sequelas neurológicas e ortopédicas em clínicas de reabilitação e hospitais. Foi com base nas histórias de seus antigos pacientes e na própria história que teve inspiração para criar as personagens de Amor de Cordel.



   . Esse livro também contém uma resenha no Blog Doces Letras, onde participo como Colaboradora do blog.




       - Já leu Amor de Cordel?
       - Então me conta o que achou. Vou adorar ler seu comentário.


 renata massa