21 dezembro 2016

[ Resenha ] Desafio de Leitura #12mesesdepoe – O Retrato Oval



     Olá Pessoal!
     Tudo bem?
     Hoje eu estou trazendo a décima  segunda resenha do projeto de Leitura Coletiva das Obras de Edgar Allan Poe, organizado pelo Blog da Anna Costa.
      Infelizmente essa é a última resenha do projeto. Edgar Allan Poe ganhou mais uma fã incondicionalmente, pois participar desse projeto foi um momento maravilhoso que  proporcionou e ampliou um acervo de conhecimento enriquecedor  na minha vida literária.
      Enfim... Não quero parar nesses doze contos que eu li, quero  continuar conhecendo outros contos de Poe e pretendo ler em 2017, os outros contos de Poe que tenho aqui em casa.  
     Então, sem mais delongas, conheçam minha opinião sobre O Retrato Oval.




Desafio de Dezembro

O Retrato Oval

    O Retrato Oval é o décimo segundo conto que leio para o projeto leitura coletiva das obras de Edgar Allan Poe, onde todos participantes irão ler um conto por mês durante o ano e este conto foi publicado pela primeira vez em Graham’s Lady’s and Gentleman’s Magazine no ano de 1842.
     O conto inicia com o narrador ferido num cavalo com o seu servo chamado Pedro a um castelo que parecia estar abandonado para passarem a noite, pois Pedro não queria que o narrador dormisse na rua recentemente.
     Após entrarem no castelo, eles percebem a riqueza que o local possui. Incluindo tapeçaria, decorações e pinturas que despertaram o interesse do narrador.
     Quando Pedro acendeu a luz de um candelabro que estava à cabeceira da cama  para o narrador ler um livro que encontrou no quarto que iria repousar, a luz revelou um retrato de uma mulher pintada.
     Esse livro que o narrador estava lendo havia informações em forma de diário, sobre as pinturas que continham no castelo e dessa maneira, o narrador começa descobrir a história da mulher pintada no quadro.
 Lendo por algumas horas, o narrador descobriu que a moça do quadro foi casada com o pintor que era totalmente apaixonado pela esposa quanto era apaixonado pelas pinturas do quadro que pintava. Contudo a esposa desprezava o talento do marido, pois estava enciumada pela atenção que o marido dava para as pinturas.
     Certo dia, o pintor propôs para a esposa que servisse de modelo para ele pintar  um novo quadro. Mesmo não gostando da  ideia,  a esposa concorda obedientemente com o marido. Sem perceber o artista ficou obcecado pelo trabalho e mantendo sua esposa diante dele por longos dias  para que capturar todos os detalhes necessários da esposa. Enquanto o pintor achava que estava pintando sua melhor obra-prima, ele não percebeu que sua esposa estava definhando na sua  presença.
     O conto é curto, mas é muito bom. Consegue mexer  psicologicamente, porque mostra claramente o egoísmo do pintor. Ele ficou tão obcecado pela pintura que não enxergava nada além do quadro que pintava.
     Não tinha olhos para mais nada, não percebeu que a esposa  ficou durante muito tempo em uma situação que a deixou doente e o amor que o pintor tinha pela arte falou mais alto.
    Enfim... Recomendo que leiam o conto O Retrato Oval e outras obras de Edgar Allan Poe, vale muito a pena.  Desafio #12mesesdepoe do mês de Dezembro concluído e totalmente encantada com a narrativa do escritor.


“Ela sorria sempre, sem se queixar, porque via que o pintor sentia um prazer doido e ardente na sua tarefa e trabalhava noite e dia para pintar aquela que amava tanto.”

        . Outros Contos do desafio:

        - Janeiro: Metzengerstein
        - Fevereiro: O Demônio da Perversidade 
        - Março: Hop – Frog
        - Abril: Morella
        - Maio: Revelação Mesmeriana
        - Junho: O Enterro Prematuro
        - Julho: O Escaravelho de Ouro
        - Agosto: Coração Denunciador ( ou Delator )
        - Setembro: OCaixão Quadrangular
        - Outubro: Berenice
        - Novembro: Ligéia


       . Já leu o conto O Retrato Oval?
       . Então me conta o que achou dele. Vou adorar ler seu comentário.


 renata massa