23 dezembro 2016

[ Resenha ] O Templo | Carine Raposo

   Olá pessoal!
   Tudo bem?
   Espero que esteja tudo bem.
   Hoje eu trago para vocês a resenha do livro O Templo. O livro é a continuação do livro O Penhasco, escrito pela autora Carine Raposo em publicação independente.
   Conheça minha opinião.
 

“Eu precisava desesperadamente me recordar daquela noite no cemitério, ou de qualquer outra coisa antes dela.
 Mas havia me tornado um livro com vinte e um anos de páginas vazias.” 
 ( Pág. 09 )


. Dados Sobre o Livro:
. Autora: Carine Raposo
. Editora: Publicação  Independente
. Ano: 2016
. 1ª Edição
. ISBN: 978-85-471-0030-8
.Gênero: Fantasia
. 315 Páginas
. Skoob: O Templo

. Sinopse:

Se Liza lembrasse do ocorrido no cemitério, talvez encontrasse a explicação para as sombras. Ou talvez entendesse de onde vinham os sussurros em seus pensamentos. No entanto, tudo o que ela se recorda é de um nome: Ethan. Até um estranho se apresentar como seu amigo no Central Park, e roubar o diário de sua mãe. Onde estava sua única chance de desvendar o passado. Agora, sozinha em Nova Iorque, longe de seus melhores amigos e sem qualquer vestígio de memória, ela fará de tudo para descobrir o que aconteceu. Ela sente que precisa entender quem é o dono dos olhos esmeraldas invadindo seus sonhos. Mas o tempo não será suficiente. Pois enquanto afunda na terrível verdade sobre si mesma e sobre seus pais desaparecidos, Liza precisará impedir o casamento de sua irmã com um assassino. Um templo, ensinamentos, rituais, mistérios e morte. A todo tempo. Em todo lugar. Só uma decisão poderá salvá-los. E somente Liza poderá fazer essa escolha.

“ Eu a levaria até o Penhasco para ficarmos debaixo de nossa árvore, e depois conversaríamos sobre tudo.” 
( Pág. 25 )

   Extremamente Agradável!

     O Templo é uma continuação da história O Penhasco. No primeiro volume, eu gostei bastante da história, principalmente com o final do livro, onde trouxe uma reviravolta que chamou minha atenção, porém achei o segundo livro mais sombrio e não deixou de ser sensacional quanto o primeiro.
     Neste segundo volume, a história inicia com Liza sem memória exatamente como terminou no livro anterior, mas com visões fragmentadas com ela estremecendo, olhando pessoas ao redor dela no Central Park.
     Durante um mês, Liza permaneceu no hospital em Nova York e como não se lembra dos pais, dos amigos, principalmente da Amanda e do Ben, ela foi morar no apartamento de Ethan, noivo da sua irmã Raquel, pois são os únicos que Liza reconhece.
    Com tentativa retornar sua vida normal Liza começa  procurar emprego, enquanto trabalha voluntariamente no Orfanato Santos Anjos e nas horas vagas, caminha pelo Central Park diariamente na esperança de recordar do seu passado. Foi lá, no Central Park, que Liza passou a ter a companhia  um Husky Siberiano que no inicio seguia ela toda vez que chegava ao local e deixava uma sensação que  já o conhecia.
    Enquanto isso, Nathaniel está totalmente triste com o coração partido. Preso no Coemiterium o que resta para Nathaniel, é ficar agarrado na esperança que Liza ainda esteja viva. Contudo, Nathaniel não esperava ser  resgatado por Joahn, um anjo misterioso que  foi destinado ajudá-lo em  lições valiosíssimas sobre o mundo dos anjos.
   O romance está repleto de drama contudo não deixou a fantasia de lado, revelando pontos importantes do primeiro livro. Eu aconselho os leitores lerem primeiramente O Penhasco para não ficarem perdidos nos acontecimentos no enredo.
    Minha vontade era contar todos os detalhes da história, porque a trama possui várias peças de um quebra-cabeça e durante a leitura, tudo foi encaixando perfeitamente. Não tem como negar a escrita da Carine é formidável e criativa, isso deixou a leitura com um ótimo desenvolvimento e  uma grande vontade de apreciar a cada novo capítulo.
    Os personagens continuaram bem construídos e amadureceram bastante neste volume. Confesso que teve um momento na história que fiquei com uma raiva de Nathaniel, fazendo birra por causa da Liza enquanto ele precisava se concentrar nos ensinamentos. Compreendo que ele desejava ter Liza de volta e cada minuto era importante, mas naquele momento era hora de concentrar nos fatos que estavam sendo revelados.
    Também achei bacana deparar com narrativas dos outros personagens que no primeiro livro foram apenas personagens secundários, além terem novos personagens que chegaram engrandecendo o romance. Estou ansiosa pelo próximo volume.   
    A edição foi lançada de forma independente, à capa está maravilhosa mostrando o templo, local que Nathaniel fica a maior parte do tempo na trama e o rapaz combina perfeitamente com personagem  Nathaniel.
    A diagramação está perfeita nas folhas amareladas, os capítulos são numerados e contém subtítulos que corresponde ao capítulo. Nas folhas  também contêm  pequenos e delicados pássaros ilustrados de preto.
    Enfim... Recomendo a todos os leitores que apreciam romances de Fantasia que leiam os livros da trilogia O Penhasco. São fantásticos.


Livro fornecido gentilmente pela autora Carine Raposo.

“Se você é um erro, eu sou uma falha. Fica comigo. Vamos errar essa noite, apenas hoje. Amanhã eu acordarei, sabendo que você foi o meu erro mais certo." 
( Pág. 305 )


    . Sobre a Autora:

      CARINE RAPOSO, uma leitora voraz, apaixonada por romances e fatalmente atraída por mistérios. Além de ser viciada em seriados e amante do cinema.  Já foi  da geração Potterhead, passei por Fallenatic e hoje sou time Delena.


   .  Já leu O Templo?
   . Então antes de ir embora, deixa seu comentário. Vamos adorar lê-lo.