06 dezembro 2016

[ Resenha ] Proibida Para Mim | Elizabeth Bezerra



   Olá pessoal!
   Tudo bem?
   Espero que esteja tudo bem.
   Hoje eu trago a resenha do primeiro volume série New York, Proibida Para Mim, escrito pela Elizabeth Bezerra e publicado pela Editora Bezz.
   Confira minha opinião.




“ Tenho complicações e cicatrizes demais, quem vêm acompanhadas de  muita obscuridade, muitos erros, muitos arrependimentos. Qualquer pessoa que se aproxime de mim, com certeza, sai ferida. E aquela jovem parece ter problemas suficientes para si mesma.” 
 ( pág. 19 )


. Dados Sobre o Livro:

- Autor: Elizabeth Bezerra
- Editora: Bezz
- 1ª Edição
- Ano: 2014
- 287 Páginas
- ISBN: 978-85-8196-738-7
- Gênero: Erótico
-  Skoob:  Proibida Para Mim

. Sinopse: Quando Neil Durant socorre Jennifer Connor durante um assalto em uma noite fria ele não sabe que sua vida mudará para sempre. Descobrir que a jovem é cega é uma surpresa para ele. Neil está preso em um casamento de conveniência e sabe que Jennifer é totalmente proibida para ele. O correto é afastá-la de seu mundo sujo, mas o destino insiste em aproximá-los cada vez mais. Passado e futuro se entrelaçam de forma surpreende e os dois se veem mergulhados em uma paixão incandescente.



“ Sei que é errado, mas, sim, sim! Por que mesmo sendo cega, mesmo estando sempre coberta de escuridão... Nunca tive tanta luz como  quando estou com você. Não sei como explicar o que sinto, é maravilhoso e assustador, ao mesmo tempo, mas, eu creio que estou enfeitiçada e louca.” 
 ( pág. 88 ) 
 
Bom!

      Proibida Para Mim é o primeiro volume da série New York que contará o romance entre Neil Durant, um rico empresário de Nova York que comanda uma empresa de sucesso e Jennifer Connor, uma jovem de vinte três anos  que possui uma deficiência visual por causa de um terrível acidente.
     A história inicia com Neil em um café lembrando de sua infância conturbada, no momento que seu irmão Nathan afogava o gato de estimação na piscina, enquanto Neil chorava implorando para o irmão não matar seu gato e a mãe deles sendo manipulada e ficando a favor de Nathan. 
     Sentindo-se frustrado, Neil resolve ir embora do café, mas quando estava perto do seu carro,  ele ouviu um grito de socorro  que lhe chamou atenção. Por impulso Neil caminhou pela rua deserta e encontrou um homem que encurralava uma jovem mulher contra uma porta de loja fechada.
     Assustado com a presença de Neil, o agressor foge correndo, levando a bolsa da Jennifer. Entretanto, quando Neil aproxima-se da moça para saber como ela estava, ele fica encantado com a beleza, mas surpreso ao descobrir que a jovem é cega. 
     Imediatamente Neil começa apresentar um instinto de proteção intensa e pede para levá-la até em casa, no entanto, Jennifer recusa informando que a única coisa que deseja, é retornar para casa sem ajuda de Neil e a moça vai embora de táxi.
     Sem conseguir tirar Jennifer da cabeça, Neil considera a moça como sua responsabilidade e resolve que tentará uma chance  com a moça, já que está totalmente atraído por  Jennifer. Contudo,  Neil está preso a um casamento de aparência com a Sophia.
      No passado, Sophia era namorada de Nathan, mas  quando Sophia informou Nathan  sobre a gravidez, o rapaz rapidamente não aceitou a gravidez  e após alguns dias, Nathan sofreu um acidente de carro e morreu. Como Sophia era tão inconsequente como Nathan e pretendia interromper a gravidez, Neil propôs casamento para Sophia pensando na criança e registrou  a pequena Anne como sua filha.
      Decidido a pôr um fim no casamento falso, Neil resolviu pedir o divorcio para Sophia e viver ao lado de  Jennifer, mas Sophia decidiu dificultar a vida do casal e até ameaçou Neil de  tirar a guarda de  Anne.
      A  autora  contém uma escrita envolvente para o gênero, mostrou uma essência que vicia tranquilamente e deixou uma curiosidade para conhecer a história completa. Conquistou pontos positivos em trazer um enredo  interessante, com uma personagem fora dos padrões que estou acostumada a ler.
     Todos os personagens contêm papéis fundamentais para um ótimo desenvolvimento, mas confesso que pecou em alguns detalhes. Fiquei um pouco incomodada com o exagero e  super proteção que Neil durante a história.
     Colocando segurança na porta do apartamento de Jennifer no começo da trama para zelar pela segurança da moça, arrancando Jennifer a força de um determinado local porque não é lugar para uma mulher cega frequentar ou presenteou com presentes desnecessários, isso ficou surreal demais para meu gosto e infelizmente, quebrou o encanto da trama.
      A diagramação está boa nas folhas amareladas. A capa combina perfeitamente com o personagem Neil. Principalmente porque a história é narrada pelo ponto de vista do personagem masculino principal e nada mais justo ter o personagem na capa.
     Enfim... Eu recomendo a leitura para leitores que apreciam um romance erótico  marcado por uma paixão profundamente avassaladora.


“ Se eu  perder você, será o mesmo que perder minha vida. Além disso, não vou perder Anne.” ( pág. 142 )

Livro fornecido gentilmente  pela Editora Bezz.

     . Sobre a autora:

        Nascida em São Paulo, leitora ávida, cresceu lendo literatura romântica e sempre  imaginou como seriam as vidas dos personagens pós leitura. A primeira aventura, como escritora, foi em uma plataforma online. Ao constatar a resposta carinhosa  dos leitores, criou coragem para transformar o sonho em realidade. Quando não está criando história para um novo livro, com certeza está lendo um! Ama viajar e conhecer novas pessoas, pessoalmente ou através de redes sociais.
 
 
. Já leu Proibida Para Mim?
. Então antes de ir embora, deixe um comentário. Ficarei muito feliz em lê-lo.