26 abril 2017

[ Resenha ] Desafio de Leitura #12mesesdepoe – A Aventura Sem Paralelo de Um Tal Hans Pfaall



     Olá Pessoal!
     Tudo bem?
     Hoje eu estou trazendo a quarta resenha do projeto de Leitura Coletiva das Obras de Edgar Allan Poe 2017, organizado pelo Blog da Anna Costa.
     Venha conferir:


      



Desafio de Abril


A Aventura Sem Paralelo de Um Tal Hans Pfaall


       A Aventura Sem Paralelo de Um Tal Hans Pfaall  é o quarto conto que leio em 2017, para o projeto leitura coletiva das obras de Edgar Allan Poe, onde todos participantes irão ler um conto por mês durante o ano e este conto foi publicado em 1935.
      O conto começa na cidade de Roterdão em Holanda, com uma multidão eufórica  olhando  para o céu e observando um balão de ar quente se aproximando da cidade. A bordo do balão havia um homem chamado Hans Pfaall, com a missão de entregar uma carta ao burgomestre Von Underduk e ao professor Rubadub que são presidente e vice-presidente do Colégio Nacional Astronômico. E rapidamente desaparece.
     A carta escrita pelo próprio Hans Pfaall é lida em publico pelo professor Rubadud para todos ouvirem e relatava como Hans criou esse balão de ar com objetivo de chegar à lua.  Também não deixou de mencionar os problemas econômicos  que  enfrentava após se demitido, as dívidas que foram acumulando  com os credores e como fez para resolver os problemas.
     É a primeira vez que leio este conto e apesar de ser  mais longo do que os outros contos anteriores do desafio, não achei ele cansativo. Porém, o conto é bem trabalhado e bastante detalhado.
     Gostei bastante como Hans descreveu a trajetória da sua viagem no balão e como passou enxergar a Terra  vista  do alto, como uma descoberta inovadora. Particularmente, eu prefiro os contos com toques de suspense. Por isso essa história foi leve e tranquila, contudo não deixou de proporcionar uma experiência agradável.
    Enfim, recomendo que experimente a escrita de Poe, pois vale muito a pena. Poema lido e  Conto do desafio #12mesesdepoe do mês Abril resenhado agradavelmente. 

 

"O balão ergueu-se no ar azul, como uma calhandra, e voando por cima da cidade acabou por se ocultar tranquilamente atrás de uma nuvem semelhante àquela donde saíra. E desta maneira desapareceu perante os olhos assombrados dos pacíficos cidadãos de Roterdão."



    . Conheça as outras resenhas dos contos do desafio #12mesesdepoe:


       . Já leu o conto?
       . Então me conta o que achou dele. Vou adorar ler seu comentário.