02 junho 2015

[ Resenha ] Amante Finalmente - J.R.Ward

       Olá Pessoal ! tudo bem?
       Espero que esteja tudo ótimo.
       Hoje eu trago a resenha do décimo primeiro livro da série Irmandade da Adaga Negra – Amante Finalmente escrito autora J. R Ward publicado pela Editora Universo dos Livros.




" Muito aventureiro, um tanto selvagem. Mas um macho adorável. Uma vergonha o que a família fez com ele."                        ( Mãe de Blaylock - pág. 215 ) 

  

  . Dados Sobre o Livro:

      - Título Original: Lover At Last
      - Autora: J. R. Ward
      - Editora: Universo dos Livros
      - Série: Irmandade da Adaga Negra
      - 1º Edição
      - Ano: 2013
      - 680 Páginas
      - Tradução de: Cristina Togneli


    . Sinopse:

      Nas sombras da noite em Caldwell, Nova York, desenrola - se uma furiosa guerra entre vampiros e seus assassinos. Há uma Irmandade secreta, sem igual, formada por guerreiros vampiros defensores de sua raça.
     Qhuinn está acostumado à solidão. Rejeitado pela família, ele finalmente encontrou sua identidade como um dos lutadores mais brutais na guerra contra a Sociedade Redutora. Sua vida, porém, é incompleta. Mesmo quando a probabilidade de ter a própria família parece estar ao seu alcance, por dentro ele se  sente vazio, com o coração  devotado a outra pessoa...
     Blay, depois de anos de amor não correspondido, deixou de lado seus sentimentos por  Qhuinn. E já era hora: ao que tudo indica, Qhuinn encontrou o par perfeito na fêmea Escolhida, e eles vão um filho. É difícil para Blay ver esse novo casal junto, mas construir sua vida ao redor de um sonho impossível é simplesmente um  sofrimento preste a acontecer.
    O destino parece ter levado esses dois soldados vampiros para direções diferentes. Contudo, enquanto a batalha pelo trono da raça se intesifica e  os novos jogadores entram em cena em Caldwell, Qhuinn finalmente  aprende o real significado de coragem, e  dois corações destinados a ficarem  juntos... finalmente se tornam um só. 



                                                     ( Qhuinn e Blaylock - Desenho da Anyae. ) 



" Quero estar com você. Não me importo com o motivo... Apenas me deixe ficar com você... "
            ( Qhuinn - pág. 233 ) 

  
                                        

                                       Tenho Muito Carinho e Respeito Por Esse Casal.

      Eu só tenho aplausos para esse volume da série Irmandade da Adaga Negra. Primeiramente por que a autora Ward desenvolveu bem a história, não tive nenhuma decepção.
      O livro inteiro está incrível e o Amante Finalmente tornou-se meu livro preferido juntamente com Amante Eterno e Amante Desperto. 
      Meus aplausos vão também para editora Universo dos Livros, pois publicou o Amante Finalmente com a mesma capa que foi publicada nos EUA. Pode até ser bobagem para algumas pessoas, mas para quem é fã da série, assim como eu e fica esperando a publicação brasileira, ter um exemplar com a capa original é muito importante e faz toda diferença.
      Desde a primeira aparição de Qhuinn e Blaylock em Amante Desperto, eu fiquei super curiosa em conhecê-los e ter mais informações sobre eles. Principalmente sobre Qhuinn, por ser rejeitado pela sua família por causa dos seus olhos e a maneira que vivia sua vida. Qhuinn sempre foi um personagem de personalidade forte e Blay sempre ficou ao lado de Qhuinn, aceitando todas as atitudes, o apoiando e até melhorando o astral dele.
      Tive muita dó de Blay por não ter seu amor correspondido pelo Qhuinn, até que Saxton, primo de Qhuinn, entrou na vida dele e Qhuinn seguiu um caminho diferente em Amante Renascido, servindo Layla no seu período fértil.
      Fiquei surpreendida com as surpresas que o relacionamento de Qhuinn e Blay trouxeram, as cenas quentes que proporcionaram foram bastante eróticas e foi uma delícia de acompanhar o amadurecimento desse casal. 
      Ambos são guerreiros poderosos em campo de batalha, Blay é um guerreiro vigoroso, determinado e totalmente decidido, porém com alguns pequenos medos que precisava ser enfrentados. E Qhuinn sempre mostrou ser um guerreiro durão e corajoso, mas estava muito inseguro com alguns conflitos pessoais e precisava resolver seus traumas provocados pela sua família.
      Em relação entre Layla, Qhuinn mostrou que tem muito valor, mesmo achando ao contrario e proporcionou alguns momentos que conseguiram balançar meus sentimentos, mas teve um trecho bastante emocionante entre Zsadist e Qhuinn que ficou inesquecível e nunca mais vou esquecer.
      O que deixou o livro mais interessante foi à autora não focar só em torno do casal principal, ela conseguiu encaixar todos os personagens na história, porém Qhuinn e Blay não ficaram em segundo plano, como achei que Payne e Manny ficaram em Amante Libertada. Ninguém conseguiu roubar a cena deles, nem o rei Wrath e a rainha Beth que ganharam grandes destaques na trama conseguiram e deu para matar a saudade de todos, até dos Sombras e do Bando de Bastardos, principalmente do Xcor que mexeu com a minha curiosidade.
     Finalizo dizendo que meu carinho e respeito por Blay e Qhuinn só aumentou e espero ter muitas aventuras eletrizantes deles durante a história.





 Próximo Livro da Série: O Rei

     
 
      . Leia também:


     - AmanteSombrio
     - AmanteEterno 
     - AmanteDesperto 
     - AmanteRevelado 
     - AmanteLiberto 
     - AmanteConsagrado 
     - AmanteVingado 
     - AmanteMeu 
     - AmanteLibertada 
     - AmanteRenascido 


     Já leu Amante Finalmente?
     Então me conta o que achou dele. Vou adorar ler seu comentário.