11 de junho de 2019

[ Filme ] A Vida de David Gale


  Olá pessoal!
  Tudo bem?
  Hoje trago para vocês a minha opinião sobre o filme A Vida de David Gale. Ele carrega um enredo interessante com  um tema que pode mesclar opiniões sobre um assunto  importante, a pena de morte.


. Título: A Vida de David Gale
. Título Original: The Life of David Gale
. Ano: 2003
. Gênero: thriller/drama
. Direção: Alan Parker
. Elenco: Kevin Spacey, Laura Linney, Kate Winslet, Gabriel Mann, Rhona Mitra, Matt Craven, entre outros.
. Duração: 2h e 10 min
. Sinopse: David Gale é um homem correto que em circunstâncias bizarras é condenado à pena de morte pelo estupro e assassinato de sua colega ativista Constance Hallaway. Gale é um pai de família e professor respeitado, conhecido por sua oposição justamente a este tipo de punição.




Surpreendeu.

    Repleto de expectativas com reviravoltas e  flashbacks estilosos, A Vida de David Gale é um thriller que possui uma proposta interessante, conseguiu me surpreender bastante e  fazer o espectador refletir sobre a pena de morte.

   O filme retrata sobre a vida de David Gale ( Kevin Spacey ), um professor de filosofia de uma universidade do Texas e ativista contra a pena de morte, vê sua vida desmoronar, quando é acusado de assassinar de forma brutal, sua amiga de luta contra a pena de morte, judiciário ( Laura Linney ). E o mais irônico disso, é David sendo condenado à pena de morte.

   Faltando quatro dias para sua morte, David pede a presença da famosa repórter Bitsey Bloom ( Kate Winslet ) para contar sua versão da história em uma entrevista exclusiva. A partir deste ponto, o primeiro flashback mostra David em sala de aula lecionando para os alunos sobre o desejo. Quando a aula terminou, Berlin ( Rhona Mitra ), uma aluna que entendeu mal as citações que David apresentou na aula, ofereceu seu corpo para o professor em troca de uma boa nota no final do semestre. Rapidamente Gale recusou a proposta da aluna, mas depois de alguns dias durante uma festa, Berlin consegue seduzi-lo e David tornar-se acusado de estupro, arruinando sua vida familiar e profissional.



    Acreditando na reputação do amigo que sempre mostrou ser um homem correto, pai de família e professor respeitado, Constance tenta ajudar David em sua inocência, no entanto Constance é encontrada morta e segundo as provas colhidas, David é o autor do crime e foi condenado para o corredor da morte por três tribunais.

   Enquanto fornecia a entrevista para Bitsey, que sempre foi uma jornalista que defendia seus ideais, David aponta uma hipótese que o sistema judiciário é falho e pode condenar a vida de um inocente. Esse detalhe acaba chamando atenção de jornalista e a história ganha um novo rumo. Até que ponto David é inocente no assassinato de Constance. 

    Através de outros flashbacks, o espectador vai descobrindo novos fatos sobre sua história, no mesmo tempo que Bitsey e seu estagiário Zack Stemmons ( Gabriel Mann )  seguem uma investigação carregada de várias conclusões decisivas.



    Com diálogos inteligentes, o filme contou os detalhes da vida de David Gale com construção criativa, porém o espectador precisa prestar atenção aos mínimos detalhes para obter a melhor compreensão. Confesso que a primeira vez que assisti o filme,  fiquei completamente perdida, pois não dei atenção nos pequenos detalhes. Ao revê-lo, as informações importantes ganharam mais sentido no instante que consegui capturar esses pequenos detalhes que não tinha dado importância anteriormente e a emoção esteve presente durante toda a trama.

    O filme tenta mostrar que o sistema sobre a pena de morte não é a melhor forma para diminuir a violência e todo sistema contém suas falhas. Não vou criar mais polêmica citando minha opinião particular de contra ou a favor este sistema, quero apenas indicar um filme interessante, que não fugiu do aspecto manipulador fazendo o espectador questionar e julgar David a todo o momento sobre a lidar com as consequências de suas próprias escolhas.

    A Vida de David Gale foi um filme considerado frágil pelos críticos e teve pouca divulgação por causa do tema tão controverso dos direitos humanos, mas o filme consegue ir além do debate sobre a pena de morte. Ele merece atenção para refletir sobre o poder político, jornalístico e a luta pelo ideal. Assista e reflita se realmente David Gale é culpado ou inocente.



  Já assistiu o filme A Vida de David Gale?
  Tem interesse em assistir?
  Então vamos conversar sobre ele. Deixa sua opinião nos comentários. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário